ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Concentração da Marcha para Jesus começa com 1,5 mil pessoas

Expectativa da organização é superar os 100 mil fieis nas ruas de Campo Grande

Gabriel Neris e Ana Beatriz Rodrigues | 07/09/2022 15:18
Fieis já ocupam Praça do Rádio para acompanhar shows (Foto: Paulo Francis)
Fieis já ocupam Praça do Rádio para acompanhar shows (Foto: Paulo Francis)

A concentração da Marcha para Jesus, no Centro de Campo Grande, já reúne cerca de 1,5 mil pessoas na Praça do Rádio, de acordo com o tenente da Polícia Militar Jacó Pereira da Silva.

O verde e amarelo ganhou força com a presença de fieis e também de eleitores do presidente Jair Bolsonaro (PL), que foram as ruas manifestar apoio neste 7 de Setembro, Dia da Independência do Brasil.

Maria de Fátima, à esquerda, ao lado do marido no Centro para apoiar Bolsonaro (Foto: Paulo Francis)
Maria de Fátima, à esquerda, ao lado do marido no Centro para apoiar Bolsonaro (Foto: Paulo Francis)

De acordo com os organizadores, há uma divisão na Avenida Afonso Pena. Os apoiadores do presidente estão em sua maioria na pista do sentido shopping. É o caso da aposentada Maria de Fátima Novaes, de 67 anos. “Eu nem estava sabendo da marcha. Vim para apoiar Bolsonaro, estou fechado com ele desde 2018. Enquanto sair candidato vou apoiá-lo”, afirmou.

Já os fieis estão ocupando o outro lado da pista, sentido shopping/Centro, e a praça, onde estão previstos os shows desta tarde.

Cristiane Tenório conta que foi a marcha pela primeira vez (Foto: Paulo Francis)
Cristiane Tenório conta que foi a marcha pela primeira vez (Foto: Paulo Francis)

A autônoma Cristiane Tenório das Dores, de 32, decidiu ir a Marcha para Jesus pela primeira vez. “Não estou fechada com politicagem nenhuma. Vim para agradecer, principalmente depois da pandemia. Jesus é muito bom na minha vida. Vir na marcha é uma forma de agradecimento”, relata.

A cantora Bruna Karla é uma das atrações desta tarde na Praça do Rádio. “Não vim para pregar política. Tenho minhas opiniões, mas a principal é trazer fé e esperança para as pessoas de Campo Grande. A bandeira não é símbolo de política e sim do orgulho brasileiro”, afirmou.

Cantora Bruna Karla em entrevista coletiva antes de show (Foto: Paulo Francis)
Cantora Bruna Karla em entrevista coletiva antes de show (Foto: Paulo Francis)

A organização do evento afirma que são esperadas mais de 100 mil pessoas na região central de Campo Grande, superando o último evento, realizado em 2019, antes do início da pandemia da covid-19.

Os fieis devem sair em marcha, a partir das 17h, na Afonso Pena, na pista do sentido shopping, até a sede da Prefeitura de Campo Grande, onde devem fazer uma oração e posteriormente fazer o contorno na Afonso Pena. Depois pegam a Pedro Celestino até chegarem na Fernando Corrêa da Costa, onde estão previstas mais apresentações e o encerramento do evento, que durar até 22h.

Nos siga no Google Notícias