A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/05/2016 09:22

Denúncia anônima leva agentes a frustrarem fuga na Máxima da Capital

Viviane Oliveira
Fachada do presídio de segurança máxima. Detentos da cela 22 se preparavam para fugir, quando foram impedidos por agentes. (Foto: divulgação / Fernando Antunes)Fachada do presídio de segurança máxima. Detentos da cela 22 se preparavam para fugir, quando foram impedidos por agentes. (Foto: divulgação / Fernando Antunes)

Depois de denúncia anônima, agentes penitenciários frustaram tentativa de fuga, nesta quinta-feira (26), feriado de Corpus Christi, no Presídio de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, em Campo Grande.

Conforme o Sinsap (Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de Mato Grosso do Sul), na quarta-feira os servidores receberam informação de que presos da cela 22 do raio 1 tentariam a fuga no feriado. Segundo informações, até explosivos seriam usados e os detentos contariam com auxilio de pessoas de fora do presídio.

Ontem, os agentes foram verificar e confirmaram a suspeita. A grade, que dá acesso ao pátio, estava serrada e os presos se preparavam para fugir. Segundo o sindicato, um procedimento administrativo deve ser aberto para apurar o caso.

No começo deste mês, 16 presos tentaram fugir do Ptran (Presídio de Trânsito). Cinco deles pulavam o muro do solário do estabelecimento penal na noite do dia 11.

A suspeita é de que os detentos aproveitaram os fios de aço da cerca elétrica destruída do pavilhão para cortar a grade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions