ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  28    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Depois de dia complicado, vacinação nesta sexta demora 20 minutos no Guanandizão

Por conta de tumulto de ontem, Sesau liberou para que profissionais de limpeza tomem 1ª dose hoje

Por Ana Paula Chuva e Aletheya Alves | 21/05/2021 15:21
Cadeiras vazias no Guanandizão nesta sexta-feira. (Foto: Henrique Kawaminami)
Cadeiras vazias no Guanandizão nesta sexta-feira. (Foto: Henrique Kawaminami)

Depois de uma quinta-feira tumultuada nos pontos de vacinação contra covid-19 em Campo Grande, a fila para imunização desta sexta-feira (21) é tranquila para quem chega no Ginásio Guanandizão ou no drive-thru do Parque Ayrton Senna. Além das grávidas, trabalhadores de limpeza que não conseguiram ontem, podem tomar a 1ª dose do imunizante hoje.

Por conta da alta procura ontem, o Guanandizão precisou fechar os portões quase duas horas mais.   No local, o Campo Grande News apurou que isso aconteceu porque a equipe não daria conta da demanda de pessoas que ainda aguardavam pela aplicação do lado de fora e que a vacinação continuaria apenas em quem já havia entrado.

No entanto, quem foi nesta sexta-feira ao local, levou em média 20 minutos para sair, como foi o caso da Antonina Benites, 37 anos,  trabalhadora da área da limpeza. Ela chegou a tentar a imunização ontem, mas acabou desistindo e voltou hoje.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

“Ontem estava muito cheio. Hoje fiquei 10 minutos na fila e mais 10 até ser vacinada. Achei que fosse ser complicado porque ontem estava muito lotado mesmo.”, disse Antonina.

Como a primeira informação era de que a vacinação nesta sexta seria apenas para a 1ª dose de gestantes e 2ª dose da Atrazeneca para o público em geral, a reportagem entrou em contato com a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) que explicou que especificamente hoje e nesses dois pontos os trabalhadores de limpeza que não conseguiram a primeira dose ontem, também podem se vacinar.

Por isso, junto com a Antonina a Fátima da Costa Souza, 34 anos aproveitou para garantir a dose do imunizante. Na quinta-feira ela não chegou a tentar a vacina porque só conseguiu liberação do trabalho Às 16h, mas hoje conseguiu ir.

Fátima estava feliz por conseguir a dose e por ter sido rápido. (Foto: Henrique Kawaminami)
Fátima estava feliz por conseguir a dose e por ter sido rápido. (Foto: Henrique Kawaminami)

“Consegui liberação às 16h e como estava muito cheio nem tentei ontem. Hoje vim junto com a minha colega e foi bem rápido. Estou feliz de conseguir tomar a primeira dose”, afirmou Fátima.

No drive-thru do Parque Ayrton Senna, a situação não era diferente, assim como no Guanandizão, o local   também estava aplicando a primeira dose para os profissionais de limpeza que não conseguiram na quinta-feira e o tempo de espera era em média de 10 minutos na fila.

“Fiquei bem mais tranquila, estamos acostumados com dificuldades e hoje foi super tranquilo. Foram 10 minutos na fila para tomar a vacina”, contou Maria do Carmo Nakahara, 42 anos, serviços gerais.

Maria do Carmo se surpreendeu com a rapidez de hoje. (Foto: Henrique Kawaminami)
Maria do Carmo se surpreendeu com a rapidez de hoje. (Foto: Henrique Kawaminami)

Em ambos os locais a vacinação vai até às 17 horas e a Sesau lembra que para se vacinar é preciso estar cadastrado aqui e apresentar laudo de comorbidades, se for o caso. Mais informações, aqui.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário