ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, TERÇA  16    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Dupla rouba moto de R$ 40 mil, passa pela PRF a 250 Km/h e acaba presa

Nadyenka Castro | 09/09/2011 11:18

“A gente deixou a velha [moto] com ele”, diz em tom de deboche da situação um dos bandidos presos

Simei, de camiseta roxa, e Cesar, de casaco preto, na Defurv. (Foto: João Garrigó)
Simei, de camiseta roxa, e Cesar, de casaco preto, na Defurv. (Foto: João Garrigó)

Dois bandidos roubaram em Campo Grande uma motocicleta avaliada em aproximadamente R$ 40 mil, passaram pelo posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal) de Miranda a 250 Km/h e acabaram presos 20 quilômetros depois. “Pifou a moto, aí nós encostamos e a Polícia já chegou”, conta Cesar Augusto Zaguini Toledo, 20 anos, um dos envolvidos.

Ele e Simei Fonseca de Araújo, 20 anos, furtaram uma motocicleta Honda CG Titan, que segundo a Polícia está avaliada em torno de R$ 1,5 mil, nas proximidades da antiga rodoviária, na semana passada.

Um dia depois, a dupla trafegava com a moto quando na rua Brilhante, em frente a um condomínio residencial, viu um homem em uma R1 ano 1999 e decidiu roubar o veículo.

“Ele estava na moto falando ao celular. A gente passou e viu, deu a volta no quarteirão e então roubamos”, fala Simei, que complementa em tom de deboche. “A gente ainda deixou a velha com ele”.

O roubo aconteceu por volta das 22 horas. “Ele [o dono da R1] estava moscando”, declara Simei sobre o fato de a vítima estar sobre a moto, parada em via pública, sozinha e à noite.

Os bandidos afirmam que a escolha da vítima foi aleatória, por estar em situação mais fácil para abordagem.

Após o roubo, os dois assaltantes seguiram em direção à Bolívia, onde pretendiam vender o veículo, segundo eles, “de 8 a 10 mil dólares”. Eles alegam que não tinham comprador já esperando, mas, dizem que a venda é fácil. “Quando chega do outro lado tem vários compradores”, declara Cesar.

Motocicleta Yamaha R1 semelhante a roubada pelos bandidos. (Foto: Divulgação)
Motocicleta Yamaha R1 semelhante a roubada pelos bandidos. (Foto: Divulgação)

Após terem viajado pouco mais de 200 quilômetros a dupla passou com a moto a 250 Km/h pelo posto da PRF de Miranda. Os policiais foram atrás, avisaram a Força Nacional de Segurança Pública, mas, não foi preciso a intervenção.

Vinte quilômetros após o posto, a moto apresentou problema mecânico. Os bandidos pararam para tentar conserto e a PRF chegou e fez a prisão.

Eles foram trazidos para a Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos), onde foram apresentados à imprensa. O dono da R1 buscou a moto em Miranda.

Futuro - Os dois assaltantes têm passagens pela Polícia, estando presos diversas vezes, inclusive quando adolescentes. Sobre a vida, o único objetivo no momento é sair da cadeia.

“Futuro, que futuro? Ladrão não tem futuro?”, diz Cesar referindo-se ao fato de que, para ele, a vida de bandido é ir e voltar da cadeia. Questionado se iria voltar a cometer crimes quando sair, Cesar não respondeu, apenas riu e mexeu os ombros.

“Cadeia não é para a eternidade um dia nois sai”, complementa Simei.

Nos siga no Google Notícias