A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

20/04/2018 12:59

Dupla suspeita de matar homem e jogar corpo em rio é presa

O crime aconteceu em julho do ano passado e o corpo da vítima só foi encontrado dias depois no Rio Brilhante

Geisy Garnes

Alex de Souza e Gaspar Gaúna Neto, de 28 e 23 anos, foram presos por equipes do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil pelo assassinato de Jhonatan Nunes. O crime aconteceu em julho do ano passado e o corpo da vítima só foi encontrado dias depois, boiando no Rio Brilhante.

Após nove meses da morte de Jhonatan, na época com 30 anos, os suspeitos foram presos em Maracaju - a 160 quilômetros de Campo Grande. A dupla estava com mandado de prisão temporária decretada pelo crime, mas durante a prisão, Alex foi flagrado com porções de drogas e por isso também foi autuado por tráfico de drogas.

No dia 6 de julho, o corpo de Jhonatan Nunes foi encontrado por pescadores no Rio Brilhante. Segundo a perícia ele foi morto com pelo menos oito facadas na região do tórax e depois jogado no rio.

Pelas tatuagens da vítima, a polícia conseguiu identificar Jhonatan, que tinha várias passagens pela polícia. Com os suspeitos presos, a polícia segue a investigação do crime.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions