A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019

05/04/2013 08:50

Em 5 dias, Capital registra 68,5% da chuva esperada para todo mês

Aline dos Santos e Edivaldo Bitencourt
Chuva veio forte nesta manhã de sexta-feira. (Foto: Simão Nogueira)Chuva veio forte nesta manhã de sexta-feira. (Foto: Simão Nogueira)

A chuva acumulada entre primeiro de abril até às 8h30 desta sexta-feira já corresponde a 68,5% do volume esperado para todo o mês. O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) contabiliza 72 milímetros de água em cinco dias, enquanto o esperado para os 30 dias é de 105 mm. 

De acordo com o meteorologista Natálio Abrahão, da Anhanguera/Uniderp, a estação, localizada na saída para Cuiabá, registrou 64 milímetros de chuva nesta primeira semana de abril. Para a região, a chuva já representa 60% do volume previsto para todo o mês. 

Nesta sexta-feira, o tempo chuvoso veio espaçado desde a madrugada. “Choveu às 2h, às 5h, às 6h. Mas ficou mais intenso a partir das 7h45”, afirma o meteorologista. De acordo com ele, a chuva será constante na primeira quinzena do mês, reflexo da transição do Verão para o Outono, estação que começou em 20 de março.

O tempo chuvoso neste começo de abril é resultado da umidade, vinda da Bolívia e da região Norte do país, com o tempo quente. Hoje vai predominar a chuva, que veio acompanhada por trovoadas. “Há pouca chance de abertura de sol à tarde”, afirma o meteorologista. No sábado e no domingo, o a chuva persiste em Campo Grande.

Estragos - A chuva forte provocou alagamentos e acidentes em Campo Grande. Na rua Manoel Moreira, no bairro Izabel Garden, duas casas alagaram. Na avenida Ernesto Geisel, após o cruzamento com a rua Bom Sucesso, seis veículos “engavetaram”. O acidente provocou somente danos aos carros.

Segundo a Defesa Civil, ainda não houve interdição ou alagamentos em outras regiões. A Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) só registrou o engavetamento com seis veículos e não interditou outros pontos.

Motoristas devem redobrar a atenção em várias vias tomadas pela enxurrada, como as avenidas Ernesto Geisel e Marechal Deododo, na saída para Sidrolândia. Na região central, outras vias também exigem cuidado por causa da forta enxurrada. 



Aqui no Pantanal do Miranda, na Fazenda San Francisco choveu 60 milímetros! Agora a chuva deu uma trégua e só esta nublado.
 
Andréa Lúcia em 05/04/2013 09:49:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions