ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  09    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Em um mês, Marquinhos afirma que resolveu menos de 1% dos problemas

Segundo prefeito, demanda é grande e apenas medidas paliativas foram feitas

Por Yarima Mecchi | 28/01/2017 12:37
Luiz Fernando Buainain (a direita, de camiseta)  e Marquinhos Trad (a esquerda, de camisa) na Câmara Municipal na manhã de hoje. (Foto: Yarima Mecchi)
Luiz Fernando Buainain (a direita, de camiseta) e Marquinhos Trad (a esquerda, de camisa) na Câmara Municipal na manhã de hoje. (Foto: Yarima Mecchi)

Há quase um mês na administração de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), disse neste sábado (28) que conseguiu resolver menos de 1% dos problemas da cidade. Ele avalia a forma como assumiu a Capital e os problemas deixados pela gestão de Alcides Bernal (PP), que foram resolvidos pela sua equipe.

De acordo com o prefeito, mesmo que esteja sendo elogiado pela população, a demanda é grande e apenas medidas paliativas foram feitas para minimizar os danos. "Falta muito ainda, não foi arrumado nem 1% da cidade. Foram tomadas medida paliativas e tem muito o que fazer, fizemos menos de 1%", destacou.

Ele ressaltou que quando assumiu o Executivo Municipal havia salários dos servidores estavam atrasados, 80% do 13º salário estavam atrasados, além de várias ações judicializadas como o convênio da Omep (Organização Mundial para Educação Pré-Escolar) e da S.S.C.H (Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária) e do repasse da Santa Casa e do Hospital do Câncer Alfredo Abrão.

"Nós fizemos várias coisas. Se formos pontuar, tem o pagamento do que estava atrasado do 13º salário; de cerca de 280 mil buracos, tampamos quase 20 mil; quitamos os atrasos com a Santa Casa e o Hospital de Câncer", destacou.

Reunião - Marquinhos esteve nesta manhã na Câmara Municipal de Campo Grande para reunião com artesãos que reivindicam a transformação da estrutura da Cidade do Natal em um espaço permanente de arte e cultura. A reunião foi no auditório do plenário da Câmara com o prefeito Marquinhos Trad (PSD); o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Luiz Fernando Buainaim; e a secretária de Turismo e Cultura, Nilde Brum.