A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/10/2012 13:53

Família faz almoço para custear tratamento de menina que caiu em piscina

Elverson Cardozo, Viviane Oliveira e Paula Maciulevicius
Jhonny Yan com a filha Ana Luiza. (Foto: Divulgação)Jhonny Yan com a filha Ana Luiza. (Foto: Divulgação)

Familiares de Ana Luiza Bento Costa, de 2 anos, que ficou em estado grave após cair em uma piscina no mês passado, em Campo Grande, estão promovendo um almoço beneficente para custear o tratamento da menina, que saiu do HU (Hospital Universitário) há 1 semana.

O almoço será um bobó de galinha. O evento está marcado para o dia 11 de novembro, a partir das 11h, na escola Juliano Varela, localizada na avenida Noroeste, 6513, Vila Carvalho. O convite custa R$ 20,00. Bebidas serão comercializadas à parte.

Interessados podem comprar o ingresso com antecedência nos seguintes estabelecimentos: Escola Nova Geração, na avenida Albert Sabin, 851, bairro Taveirópolis; Top Art – comunicação e design, localizado na avenida Marechal Deodoro, 2441, no conjunto Aero Rancho ou no restaurante Macarrão na Chapa, que fica na rua Enseada, 1165, no Coophavila II.

Devem se apresentar durante o almoço várias duplas sertanejas regionais, entre elas Éder e Adriano e Tiago e Donizete.

Também será rifada, pela Loteria Federal, uma motocicleta Honda Twistter, prata, ano 2006. O sorteio será feito no dia 10 de novembro. O número custa R$ 40,00.

Para ajudar ou obter mais informações sobre o almoço em prol de Ana Luiza é só entrar em contato com Magali Varela pelos números (67) 9144-4866 ou (67) 9292-9615.

Ana Luiza recebeu alta na quinta-feira passada, mas ainda precisa de cuidados especiais. (Foto: Divulgação)Ana Luiza recebeu alta na quinta-feira passada, mas ainda precisa de cuidados especiais. (Foto: Divulgação)

O acidente – No dia 24 de setembro deste ano, Ana Luiza Bento Costa foi encaminhada em estado grave ao Hospital Universitário de Campo Grande, após cair em uma piscina.

Ela estava na casa da avó materna, que estava cuidando dela e do irmão, um bebê de um ano. A menina caiu na piscina no momento em que a mulher foi atender a uma pessoa no portão da casa. A grade da piscina onde Ana Luiza caiu estava aberta.

A garota foi socorrida pelo irmão da mãe dela, que a levou para o quartel do Corpo de Bombeiros do bairro Guanandi. Lá a menina chegou desacordada. Ana foi conduzida ao CTI (Centro de Terapia Intensiva) do HU, onde passou a respirar com ajuda de aparelhos.

Foram 23 dias de angústia, até a alta da menina, no dia 18 deste mês. Agora, em casa, ela precisa de cuidados especiais. Ana Luiza é portadora da Síndrome de Down.

Segundo o pai da criança, Jhonny Yan Costa, 26 anos, o plano de saúde não cobre todo o tratamento da filha. “Eu também tenho que montar uma mini-enfermaria em casa, com cilindro de oxigênio, oxímetro, cadeiras de rodas especial. É muito gasto de imediato”, disse.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions