A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/02/2016 21:03

Família registra BO e diz que suspeita de matar manicure sofreu aborto

Nyelder Rodrigues e Bianca Bianchi

A família de Gabriela Antunes dos Santos, 20, suspeita de matar a manicure Jennifer Guilhermete, 22, registrou boletim de ocorrência por ameaça contra a mãe de Jennifer, na tarde dessa segunda-feira (15), e afirmou à imprensa que a jovem sofreu um aborto espontâneo enquanto estava escondida.

Vania Cristina dos Santos, 40, mãe de Gabriela, afirma que durante esse mês, ela foi alvo de ameaças feitas por Lucimar Guilhermete, 39, mãe de Jennifer. Segundo familiares, as mensagens chegavam pelo Facebook, entre os dias 1º e 12 desse mês. Uma delas afirmava, inclusive, que "vida se paga com vida".

Os mesmos familiares afirmam que Gabriela, que estava escondida em uma chácara, sofreu um aborto espontâneo durante o período que ficou escondida, e por isso perdeu muito peso e se apresentou debilitada à polícia. Ela está presa na delegacia e será transferida na manhã de terça (16) para o presídio feminino.

Gabriela se apresentou na tarde dessa segunda-feira (15) na 2ª DP (Delegacia de Polícia Civil). Na saída da delegacia, alguns familiares que não quiseram se identificar conversaram com a reportagem. Eles também dizem que o marido de Gabriela não estava com ela na chácara.



É muito engraçado isso. A guria mata de forma fria e crual uma moça que estava trabalhando porque suspeitou que ela estava tendo um caso com o marido, agora a família da safada quer reverter a coisa toda? Mas é muita cara de pau mesmo né? Porque essa "coisa" não foi pra cima do cara? Porque iria apanhar né? O que vão querer agora? Indenização? A mãe da moça assassinada, se fez o que estão falando, fez pouco. No lugar dela eu não sei o que faria, não responderia por mim...
 
Mariana Carvalho em 15/02/2016 21:46:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions