A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

28/12/2017 10:13

Feira Central prepara projeto para reforma e ampliação do local

Associação quer finalizar projeto de reforma de 60 a 90 dias, para depois apresentar a sociedade e poder público

Leonardo Rocha
Lei municipal sancionada permite reforma e ampliação do local (Foto: Arquivo)Lei municipal sancionada permite reforma e ampliação do local (Foto: Arquivo)

A Associação da Feira Central e Turística de Campo Grande prepara um projeto de reforma e ampliação da área, que deve ser apresentada de 60 a 90 dias. A intenção é tornar o espaço mais moderno e confortável tanto aos clientes, como para os funcionários, além de dispor de adequações em relação a acessibilidade.

A presidente da Associação, Alvira Appel Melo, explicou ao Campo Grande News que em 13 anos neste espaço, no Complexo Ferroviário, nunca foi feito nenhuma reforma ou ampliação para atender as necessidades. "Não houve reestruturação, quando ideal é que o espaço seja renovado a cada dois anos, do ponto de vista do mercado".

Ela citou que este projeto de reforma está em fase de produção, mas avisa que vai apresentar um novo modelo de empreendimento. "Não será apenas um puxadinho, com pintura para maquiar, vai ser algo amplo, que atenda todas as necessidades de um local histórico do ponto de vista cultural e turístico da cidade".

Alvira disse que vai existir adequações de acessibilidade em todo local, área de convivência dos funcionários, melhor espaço para os clientes, além de outras ampliações. "Este novo produto precisa ser um orgulho da cidade, corrigir o que precisa ser feito. Até 90 dias iremos apresentar todas estas mudanças para sociedade e poder público".

Assim que o projeto for apresentado, a Associação vai buscar apoio do governo estadual, prefeitura de Campo Grande, legislativos e sociedade civil, para viabilizar a obra. "Temos que fazer algo que a população merece, hoje existe um lado afetivo com a Feira, mas queremos que o espaço também seja de qualidade para atrair os clientes".

Lei - O prefeito Marquinhos Trad (PSD) sancionou hoje (28), a lei municipal que concede o uso público do local pela duração de 20 anos, podendo ser prorrogado pelo menos período. Ainda permite que a Feira Central realize parceria com o setor privado, para devida ampliação e reforma do local.

Associação defende reforma para criar um produto novo ao consumidor (Foto: Arquivo)Associação defende reforma para criar um "produto novo" ao consumidor (Foto: Arquivo)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions