A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/12/2014 10:32

Força Aérea retira destroços e análisa peças de aeronave

Filipe Prado
Os destroços serão retirados ainda hoje (Foto: Lucimar Couto)Os destroços serão retirados ainda hoje (Foto: Lucimar Couto)

Uma equipe da FAB (Força Aérea Brasileira) voltou ao local da queda do avião, que matou o advogado Marco Túlio Murano Garcia e o piloto Genese Pereira, em Jaraguari, a 25 quilômetros de Campo Grande. Partes da aeronave serão levados para análise.

De acordo com a assessoria de imprensa da FAB, uma equipe da Seriva IV (Serviço Regional de Investigações e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), de São Paulo, chegará ao local ainda hoje (10) para retirar os destroços.
Peças do avião, como o motor, serão levados para uma análise, em São José dos Campos (SP), para revelar as verdadeiras causas do acidente.

A assessoria da Força Aérea afirmou que haveria um passageiro cadastrado no plano de voo da aeronave, porém ele não embarcou. Eles asseguraram que não sabem a identidade do terceiro passageiro.

Acidente - O avião caiu logo após decolar do Aeroporto Santa Maria, em Campo Grande. O acidente ocorreu na manhã de sábado (6) e mobilizou o Corpo de Bombeiros e duas aeronaves do Esquadrão Pelicano, da Base Aérea de Campo Grande.

Viajavam na aeronave o advogado e o piloto. A aeronave ficou totalmente destruída na queda.
Marco Túlio foi candidato a presidente da OAB/MS na última disputa, vencida por Júlio César.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions