A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

06/08/2014 14:47

Funcionária da Santa Casa começa a prestar depoimentos sobre mortes

Filipe Prado e Alan Diógenes
Rita é a primeira funcionária a prestar depoimento sobre as mortes na Santa Casa (Foto: Marcelo Calazans)Rita é a primeira funcionária a prestar depoimento sobre as mortes na Santa Casa (Foto: Marcelo Calazans)

Começou hoje os depoimentos dos funcionários do setor de oncologia da Santa Casa, onde morreram três pacientes no mês passado. A responsável técnica da farmácia do setor chegou à 1ª Delegacia de Polícia de Campo Grande para prestar depoimento.

Rita de Cássia Junqueira Godinho chegou por às 14h30 na delegacia e será o único funcionário a realizar uma oitiva hoje (6). Conforme a delegada responsável pelo caso, Ana Cláudia Medina, além dos depoimentos “a Santa Casa está repassando todos os documentos necessários para concluir a investigação”.

As oitivas continuam no decorrer da semana.

Os médicos Henrique Guesser Ascenço e o pai dele José Maria Ascenço prestaram depoimento na semana passada. Eles atestaram aos mortes de Carmen Insfran Bernard, 48 anos, Norotilde Araújo Greco, 72 anos, Maria Glória Guimarães, 61 anos, mortas nos dias 10, 11 e 12 de julho, respectivamente.

Em depoimento de mais de 4 horas, os médicos relataram que não informaram as mortes de pacientes submetidas a sessões de quimioterapia à Santa Casa por questões burocráticas. Eles alegaram que não sabiam o que estava acontecendo com as mulheres, que morreram após o início do tratamento de quimioterapia.

A informação foi repassada por Felipe Barbosa advogado dos médicos, que saíram da 1ª Delegacia sem falar com a imprensa. Barbosa ressaltou que seus clientes estarão a disposição da Polícia quando forem convocados a depor.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions