A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

30/01/2018 11:07

Governo adia mais uma vez entrega da duplicação da Euler de Azevedo

Previsão de entrega já foi adiada por pelo menos cinco vezes; neste período chuva e ajustes no projeto foram justificativas

Mayara Bueno
Euler de Azevedo, em fotografia tirada em 3 de janeiro de 2018. (Foto: André Bittar/Arquivo).Euler de Azevedo, em fotografia tirada em 3 de janeiro de 2018. (Foto: André Bittar/Arquivo).
Secretário de Infraestrutura de MS, Marcelo Miglioli. (Foto: Mayara Bueno).Secretário de Infraestrutura de MS, Marcelo Miglioli. (Foto: Mayara Bueno).

A duplicação da avenida Euler de Azevedo, na saída para MS-080, em Campo Grande, iniciada em julho de 2016, deve ser entregue até o fim de fevereiro de 2018. A estimativa - a quinta em quase dois anos - é do secretário da Seinfra (Secretaria de Estado de Infraestrutura), Marcelo Miglioli, nesta terça-feira (30).

A obra, que hoje está em pelo menos R$ 16 milhões, começou em 27 de julho de 2016 com a previsão de entrega para exatamente um ano depois. De lá para cá, houve previsões para novembro e dezembro de 2017 e, a mais recente, em janeiro deste ano.

Miglioli explica que o período chuvoso foi o principal entrave do último mês. "Tivemos problemas de chuva neste período. Eu fiz uma pactuação com as empresas que nós entregaremos a obra 100% pronta até o fim de fevereiro", afirma.

Outro ponto apontado pelo secretário foi a execução de projetos complementares, como uma intervenção para fazer o acesso ao Detran (Departamento Estadual de Trânsito). "Em função de economia, vamos fazer uma desaceleração de concreto para garantir a qualidade da entrada. São obras complementares".

A obra também recebeu acréscimos de valores e ajustes nos projetos executados pelas empresas Anfer e São Luiz.



Ao que parece, uma obra boa, é aquela que não termina nunca, sempre tem algo a melhorar, e está sempre sujeita a receber mais investimentos para ficar "no ponto", ou então, vive sujeita às intempéries;; É sempre motivo de tristeza, para alguns, quando ela finda.
 
anderson roque martinez dos santos em 30/01/2018 12:32:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions