ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  18    CAMPO GRANDE 35º

Capital

Guarda tem reforço para fazer rondas em escolas e terminais na volta às aulas

Volta às aulas também mexe com a questão da segurança na Capital e guardas terão aumento de efetivo para ronda

Por Paula Maciulevicius Brasil e Cristiano Arruda | 26/07/2021 10:33
Guarda Civil Metropolitana vai reforçar efetivo para voltar a fazer rondas em volta das escolas e terminais. (Foto: Henrique Kawaminami)
Guarda Civil Metropolitana vai reforçar efetivo para voltar a fazer rondas em volta das escolas e terminais. (Foto: Henrique Kawaminami)

No dia em que as escolas municipais retornaram ao ensino presencial, a Guarda Municipal anunciou reforço no efetivo para dar conta de tantas tarefas. Os servidores estão no transporte das vacinas da central de distribuição para os pontos de imunização, toque de recolher e agora rondas em torno das escolas e nos terminais de ônibus.

Secretário Municipal de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja, explicou que a partir de agora a operação da Guarda acontece simultaneamente em todas as escolas municipais da Capital durante horários de pico, na entrada e na saída, além dos terminais de ônibus.

Secretário fala que efetivo aumentou entre 60 e 80 guardas civis. (Foto: Henrique Kawaminami)
Secretário fala que efetivo aumentou entre 60 e 80 guardas civis. (Foto: Henrique Kawaminami)

"A segurança das escolas é por tempo indeterminado. Tivemos esse período de paralisação, no entanto, a partir de hoje a Guarda Civil Metropolitana estará em todas as escolas e em sistemas de rondas nos terminais, tendo em vista os alunos que dependem de ônibus", frisou Valério.

O secretário atendeu a imprensa numa coletiva sobre a operação na Escola Municipal Profª Oliva Enciso, no Tiradentes. No local, 50% dos alunos vão retornar ao ensino presencial.

Valério Azambuja enfatizou que o trabalho da Guarda será o de fazer rondas para evitar vendedores de entorpecentes ou pessoas suspeitas. "Nós temos que dar principalmente segurança tanto para os professores e pais e também o controle no trânsito onde esteja bastante intenso", comenta.

Operação da Guarda foi tema de coletiva em escola municipal que vai receber 120 alunos no retorno. (Foto: Henrique Kawaminami)
Operação da Guarda foi tema de coletiva em escola municipal que vai receber 120 alunos no retorno. (Foto: Henrique Kawaminami)

Conciliar - Na coletiva, o secretário falou que os guardas têm "conciliado" as missões com gente das 6h da manhã em diante nas ruas entre transporte de vacinas e rondas nas escolas. "Estamos reforçando o turno durante 24h, em 60, 80 servidores", enumerou Valério.

Diretor da escola, Vilmar Balbuena completou dizendo da importância da operação.

"A operação é importante para a escola, visto que os alunos já estavam ansiosos com o retorno e esse trabalho da guarda ajuda bastante".

No local, são 250 alunos matriculados, destes 120 farão o ensino presencial. Alguns pais ainda estão indo ao colégio assinar o termo de autorização. "A escola optou para que alunos da mesma família que estudam na mesma escola entrem no rodízio de período, para que os pais não precisem voltar com o irmão ou irmã no outro turno", explicou a direção.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário