ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  26    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Homem é espancado e encontrado morto em casa após bebedeira

Suspeita é de que o assassino usou barra de ferro para golpear a vítima

Por Dayene Paz | 18/10/2021 07:57
Depac Cepol, onde o caso foi registrado. (Foto: Marcos Maluf)
Depac Cepol, onde o caso foi registrado. (Foto: Marcos Maluf)

Homem de 52 anos foi encontrado morto na noite deste domingo (17), na Vila Carlota, em Campo Grande, após passar o dia ingerindo bebida alcoólica com um amigo. A vítima foi espancada e o caso é investigado pela Polícia Civil.

De acordo com as informações do boletim de ocorrência, Gelson Petisco passou o dia com o amigo em casa, um homem de 44 anos. Eles bebiam e em determinado momento, o amigo dormiu.

Para a polícia, o amigo diz que quando acordou, já encontrou Gelson caído no chão da casa, sem vida, por volta das 19 horas. Então, acionou a polícia. A testemunha ainda relata que não ouviu qualquer barulho.

A suspeita é de que o assassino usou uma barra de ferro para golpear a vítima, que tinha ferimento no tórax.

Em novembro de 2016, Gelson sofreu um atentado e foi espancado na residência onde morava, na Vila Morumbi. Na época, ele foi socorrido e levado para a Santa Casa, conseguindo se recuperar.

Outro caso - Na mesma região, na Vila Progresso, 30 minutos depois, Paulo Quezada Penha, de 67 anos, foi encontrado morto com um fio amarrado no entorno do pescoço e dos pulsos em sua residência. Não havia sinais de luta no corpo do idoso, mas a suspeita inicial da polícia é de que alguém tenha amarrado a vítima, conforme apurado.

Assim como o caso de Gelson, Paulo Quezada também já sofreu agressões anteriores. Há cerca de um ano, Paulo foi amarrado com fios e autor o perseguiu por algum tempo.

A Polícia Civil vai apurar se os casos estão ligados. As mortes foram registradas como homicídio simples na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol e serão investigados.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário