A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019

22/10/2019 11:45

Homem encontrado com marcas de espancamento morre na Santa Casa

Após 25 dias internado, Volney do Rosário, 49 anos, vítima de espancamento, morreu na Santa Casa

Viviane Oliveira e Marta Ferreira
Volney posa para foto em momento de lazer (Foto: reprodução/Facebook) Volney posa para foto em momento de lazer (Foto: reprodução/Facebook)

A Polícia Civil investiga a morte de Volney do Rosário, 49 anos, encontrado com marcas de espancamento deitado em um colchão na casa onde vivia, na Rua Indira Gandhi, no Residencial Vida Nova III, na região do Bairro Nova Lima, em Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, uma das filhas da vítima contou que depois de ficar uns dias sem notícias do pai foi até a casa dele e o encontrou ensanguentado deitado num colchão.

Volney deu entrada na Santa Casa no dia 25 do mês passado, onde ficou 24 dias internado. Porém no último sábado (19), não resistiu e morreu após parada cardiorrespiratória. O óbito foi registrado às 20h30. 

A filha não soube explicar à polícia o que aconteceu. Apenas disse que foi informada por um vizinho que antes de aparecer ferido, Volney havia se desentendido com a dona de um bar na região. Ela teria jogado um copo de bebida alcoólica no rosto dele. 

À reportagem do Campo Grande News, a filha de Volney, Valesca do Rosário comentou que o pai não tinha inimigos e era estimado no bairro em que morava. Ela disse não ter ideia do que pode ter ocorrido com ele.

Segundo Valesca, desde a internação, o homem disse ter caído e negou a possibilidade de espancamento. “Fiquei desconfiada. Não sei se ele ficou com vergonha, achou que fosse melhorar ou foi ameaçado”.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, mas será investigado pela 2ª Delegacia de Polícia Civil. (Colaborou Maressa Mendonça)

 

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions