A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/04/2015 09:30

Homem que matou a esposa há sete anos é morto a tiros; filho é detido

Aline dos Santos e Filipe Prado
Peritos e funerária recolhem corpo de homem morto a tiros na manhã de hoje (Foto: Marcos Ermínio)Peritos e funerária recolhem corpo de homem morto a tiros na manhã de hoje (Foto: Marcos Ermínio)

Charles Ariel Dias de Freitas, 40 anos, foi morto a tiros na manhã deste sábado em Campo Grande. O crime foi na rua Charlote, no Bairro Aero Rancho, na saída para Sidrolândia. Conforme a PM (Polícia Militar), Charles, o filho e uma terceira pessoa conversavam em uma travessa, paralela a rua Charlote. Em seguida, a vítima saiu e foi baleada enquanto caminhava. Segundo a polícia, foram quatro tiros no tórax.

O filho foi detido por uma viatura da PM que fazia rondas pelo bairro. Encaminhado para a Depac Piratininga (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), ele nega ser o autor e acusa a outra pessoa. A polícia faz buscas para localizar o segundo suspeito e a arma.

De acordo com o delegado Giuliano Carvalho Biaccio, a vítima matou a esposa. A família teria jurado vingança pelo crime, ocorrido em 2008.

Charlie confessou ter assassinado a esposa Daniela Aparecida Matsumoto Cruz de Freitas, 30 anos. Primeiro, ele denunciou o desaparecimento da companheira, com que tinha três filhos. Contudo, quando o corpo foi encontrado, em16 de outubro de 2008, ele admitiu a autoria. A cabeça da vítima estava envolta com três sacos plásticos, amarrados com um cordão na altura do pescoço.

Antes de morrer, Daniela denunciou ter sido agredida pelo marido, sendo uma delas violentamente. Charles foi condenado a 13 anos de prisão pela morte da esposa em 2009. Em setembro do ano passado, ele obteve livramento condicional.

Charlie matou a esposa e ocultou o cadáver em outubro de 2008 (Foto: Marcos Ermínio)Charlie matou a esposa e ocultou o cadáver em outubro de 2008 (Foto: Marcos Ermínio)
Delegado conta que família de mulher morta em 2008 jurou vingança (Foto: Marcos Ermínio)Delegado conta que família de mulher morta em 2008 jurou vingança (Foto: Marcos Ermínio)
Homem que assassinou esposa é condenado a 13 anos
Charles Ariel Dias de Freitas foi condenado a 13 anos e cinco meses de prisão por ter matado a esposa Daniela Aparecida Matsumoto Cruz de Freitas, em...
Vai a júri 4ª homem que matou esposa e escondeu corpo
Assassino confesso da esposa, Charles Ariel Dias de Freitas, será submetido a júri popular a partir das 8 horas da próxima quarta-feira (18), em Camp...
Marido confessa ter matado a mulher e escondido o corpo
Charles Ariel Dias de Freitas, 32 anos, confessou ter matado a mulher Daniela Aparecida Matsumoto Cruz de Freitas, 30 anos, cujo corpo foi encontrado...
Identificada mulher encontrada morta em terreno baldio
Trata-se de Daniela Aparecida Matsumoto Cruz de Freitas, de 30 anos, a mulher encontrada morta na tarde de hoje em um terreno baldio, em Campo Grande...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions