A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/04/2013 14:49

Homem se apresenta e confessa assassinato no Jardim Carioca

Nadyenka Castro


Apontado como responsável pela morte de Diogo Bejarano Brez, de 26 anos, Silvio Pinheiro da Silva se apresentou à Polícia Civil na manhã desta sexta-feira e confessou o assassinato.

O crime aconteceu na noite do último sábado (6) no Jardim Carioca, em Campo Grande. Silvio contou à Polícia que estava em uma lanchonete da Avenida Sete e em um determinado momento, uma colega de trabalho o chamou para dançar.

De acordo com o delegado Natanael Balduíno, na versão de Silvio à Polícia, após dançar com a colega, ele foi pegar um objeto no carro do tio, Luiz Alberto Pinheiro, 58 anos, que estava estacionado em frente ao comércio.

Quando Silvio retornava ao bar, foi abordado por dois rapazes que o agrediram e disseram que ele havia dançado com mulher casada. Ele então esfaqueou um dos rapazes e fugiu.

Após o crime, o tio de Silvio, Luiz Alberto passou com o Santana que dirigia sobre Diogo e também atropelou um adolescente. Diogo morreu, o menor de idade teve escoriações e não precisou de atendimento médico.

Ao chegar em casa, Luiz Alberto bateu o carro no muro e o derrubou. Ele foi preso na residência, pela PM (Polícia Militar) e disse que não se lembrava do que havia acontecido porque estava embriagado. Silvio declarou à Polícia que não viu os atropelamentos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions