A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

23/06/2019 10:35

Incêndio acaba com “gato” e famílias temem ficar sem comida em favela

A área ocupada pelas famílias vindas de outras cidades brasileiras fica em frente a um trilho de trem, na Avenida Solon Padilha

Viviane Oliveira e Mirian Machado
Parte da vegetação foi destruída pelo fogo (Foto: Paulo Francis) Parte da vegetação foi destruída pelo fogo (Foto: Paulo Francis)

Fogo que destruiu área de vegetação seca por volta das 14h de ontem (22), próximo de uma distribuidora de combustível, acabou com a gambiarra conhecida popularmente como “gato” de aproximadamente 60 famílias, na Vila Bordon, em Campo Grande. Elas temem que os mantimentos que estão na geladeira estraguem, pois até agora não conseguiram resolver a situação.

A área ocupada pelas famílias vindas de outras cidades brasileiras fica em frente a um trilho de trem, na Avenida Solon Padilha, região do Indubrasil.

O transformador estourou após ser atingido pelas chamas de grandes proporções. Os moradores disseram que estão sem energia desde as 15h de ontem. Eles estão preocupados com os mantimentos na geladeira e com as crianças. Parte das famílias que dependem de poço artesiano estão sem água também. Os barracos construídos ali são de madeiras. "Foi difícil dormir à noite sem ventilador. O cheiro da fumaça e a fuligem também incomodam bastante", disse uma moradora. 

Revoltados, os moradores afirmam que alguém ateou fogo e como o mato está alto e seco as chamas se propagaram rapidamente. Eles não quiseram se identificar com medo de represálias. Segundo testemunhas, o Corpo de Bombeiros foi acionado, chegou cerca de 20 minutos depois, mas as chamas já tinham se alastrado e consumido a área.

Por causa do tempo seco, ocorrências de incêndio em área de vegetação têm sido corriqueiras. Colocar fogo em terreno baldio para fazer a limpeza do espaço é crime. Denúncias podem ser feitas pelo telefone 156 ou na Decat (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista), que fica na Rua Sete de Setembro, nº 2421, no Jardim dos Estados.

Moradores se arriscam e tentam fazer nova ligação clandestina (Foto: Pauo Francis)Moradores se arriscam e tentam fazer nova ligação clandestina (Foto: Pauo Francis)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions