A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

10/08/2019 09:37

Incêndio atinge depósito de resíduos desde a madrugada na Capital

Fogo começou por volta das 4h, segundo moradores próximos; Corpo de Bombeiros ainda estão no local

Silvia Frias e Ronie Cruz
Chamas ainda estão altas no depósito do Bairro Coronel Antonino (Foto: Kisie Ainoã)Chamas ainda estão altas no depósito do Bairro Coronel Antonino (Foto: Kisie Ainoã)

Incêndio atinge depósito de resíduos localizado na Avenida Consul Assaf Trad, no Bairro Coronel Antonino. O fogo começou por volta das 4h e até agora, cerca de cinco horas depois, os bombeiros ainda estão no local combatendo as chamas.

Os bombeiros começaram o combate às chamas logo no início da manhã e contam com reforço de caminhão-pipa da concessionária Águas Guariroba. As chamas ainda estão altas, mas não prejudicaram o trânsito na avenida.

O estoquista Carlos Alberto Assis, 48 anos, trabalha em empresa próxima e disse que ouviu barulhos a partir das 4h. “Achei que fosse tiro, mas era o fogo estourando as coisas”, contou.

Assis também mora próximo do local com a esposa, filhos de 3 anos e seis meses e a mãe, de 80 anos. Ele reclama dos problemas decorrentes da atividade do depósito. “Isso aí é uma falta de respeito com a população, ninguém consegue limpar a casa ou lavar a roupa, porque voa pó para todo lado”.

Fogo no material recolhido no depósito (Foto: Kisie Ainoã)Fogo no material recolhido no depósito (Foto: Kisie Ainoã)
Caminhão-pipa foi usado para reforçar combate às chamas (Foto: Kisie Ainoã)Caminhão-pipa foi usado para reforçar combate às chamas (Foto: Kisie Ainoã)

O motorista José Carlos Pereira, 56 anos, também ouviu o barulho logo cedo e se impressionou com as chamas. “Não pode haver depósito como esse dentro da cidade, perto de residência”, avaliou, explicando que já tentou falar com o dono sobre o despejo de material, mas, sem acordo.

Na fachada da empresa, consta que eles recebem alumínio, ferro, plástico, madeiras, poda, sucata de papel e vidro, além de ser uma unidade de pesquisa, processamento de resíduos minerais e produção de cerâmica sem queima.

A empresa de materiais de reciclagem Progemix Resilix do Brasil Ltda já foi atingida por incêndio de grandes proporções em novembro de 2017, tendo com resultado a destruição de 4 mil metros cúbicos de madeira, com prejuízo estimado em R$ 300 mil.

Um funcionário da Resilix, que não se identificou, disse que as chamas já foram contidas e os bombeiros estariam fazendo trabalho de rescaldo. O proprietário da empresa está no local e somente disse que não ira se manifestar.

Incêndio pode ser visto à distância (Foto: Kisie Ainoã)Incêndio pode ser visto à distância (Foto: Kisie Ainoã)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions