A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018

08/01/2017 21:59

Irmão e cunhada teriam tentado matar jovem baleado no Vespasiano Martins

Alexandre Gonçalves conduzia uma moto com Geovana da Silva de passageira, e quem disparou cinco vezes contra o jovem que seria seu cunhado.

Adriano Fernandes
Os tiros atingiram residências vizinhas pela rua. (Foto: Marcos Ermínio) Os tiros atingiram residências vizinhas pela rua. (Foto: Marcos Ermínio)

Foi identificado como Alexandre Gonçalves, 21 anos, o jovem atingido por dois tiros - um na perna direita e mão direita - na tarde deste domingo (08), na esquina entre as ruas Antídio Souza Guedes e Luís Gustavo Ramos Arruda, no Bairro Vespasiano Martins, em Campo Grande.

Também foram identificados e presos em flagrante o irmão do rapaz, Adriano Gonçalves, 19 anos, e Geovana da Silva, 23, suspeitos de terem tentado matar o jovem. Adriano conduzia uma moto vermelha com Geovana de passageira, e quem disparou cinco vezes contra o jovem, que seria seu cunhado.

Após a tentativa de homicídio, foram testemunhas que informaram aos policias que a dupla poderia estar escondida em uma matagal, próximo a rua Marques de Barbacena com a Rua Luiz de Vasconcelos, depois de terem fugido após efetuar os disparos.

Mas policiais encontraram Geovana em uma residência no mesmo cruzamento. Ela negou participação no crime, assim como a autoria dos disparos e também onde pudesse estar a arma. No entanto Alexandre, ainda no hospital, confirmou que o irmão é quem seguia em uma motocicleta vermelha com Geovana de passageira.

Foi ela quem teria efetuado cinco disparos contra ele, segundo o jovem. A mulher foi encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Piratinga. Durante a confecção do boletim de ocorrência, Adriano também se apresentou na delegacia e foi preso.

O casal vai responder pelo crime de tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil. Já Alexandre segue internado na Santa Casa de Campo Grande.

Tentativa - Ao Campo Grande News uma testemunha contou que o motociclista cercou o rapaz e uma mulher na garupa teria atirado cinco vezes contra a vítima. Para fugir do ataque, Alexandre pediu socorro na casa de moradores próximos.

Um homem de 43 anos e a esposa de 41, amigos da mãe do rapaz socorreram a vítima. Segundo o casal, o homem revelou que o irmão e a cunhada foram os autores dos disparos. Alguns tiros atingiram residências próximas de onde ocorreu o ataque.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions