A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Setembro de 2017

05/08/2017 11:47

Já instalados, semáforos na rotatória entram em operação no próximo dia 16

Dados da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), o fluxo no local é de 18.320 veículos por dia, em direção ao Centro e 17.990 veículos em direção ao Parque dos Poderes

Lucas Junot
Os equipamentos foram instalados neste sábado (5)
(Foto: João Paulo Gonçalves)Os equipamentos foram instalados neste sábado (5) (Foto: João Paulo Gonçalves)

Os semáforos da rotatória nas avenidas Mato Grosso e Via Parque foram instalados neste sábado (5). De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), até a obra será entregue no dia 16, como parte das comemorações do aniversário de 118 anos da Capital.

Ao todo, serão oito equipamentos no local. Paralelamente à sinalização, está sendo executado o recapeamento do trecho da Mato Grosso, onde o canteiro central foi reduzido.

O trabalho deve ser concluído até o próximo dia 10, quando serão programados os controladores de tempo dos equipamentos, de forma sincronizada, garantido a fluidez no trânsito.

Ao todo serão oito equipamentos regulando o fluxo de veículos no local (Foto: João Paulo Gonçalves)Ao todo serão oito equipamentos regulando o fluxo de veículos no local (Foto: João Paulo Gonçalves)

A programação do funcionamento das cores verde e vermelho seguirão o fluxo de acordo com os horários de maior movimento em direção ao Parque dos Poderes (pela manhã) e em direção ao Centro (durante a tarde).

De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), a travessia para quem trafegasse do Parque dos Poderes para o Centro, no horário de pico, chegava a 14 minutos.

Dados da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), o fluxo no local é de 18.320 veículos por dia, em direção ao Centro e 17.990 veículos em direção ao Parque dos Poderes.

Custo - O debate para solução do ponto de estrangulamento é antigo. A construção de um viaduto no cruzamento chegou a ser cogitada em outras gestões. A obra custaria cerca de R$ 30 milhões.

A obra era para ter sido iniciada em agosto de 2014, na gestão passada, mas desde então tem sido prometida e depois adiada.

O projeto de mudanças tem recursos disponíveis em caixa, repassados pelo Detran/MS (Departamento Estadual de Trânsito) desde 2014.

Este ano, no dia dois de março houve aditivo de mais R$ 1,6 milhão para o custeio total da obra.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions