A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

31/08/2018 21:51

Jovem que matou homem a facadas em apartamento é solto pela justiça

Lucas dos Santos Mesquita será monitorado por tornozeleira eletrônica

Adriano Fernandes
Corpo da vítima sendo recolhido no dia do crime. (Foto: Arquivo) Corpo da vítima sendo recolhido no dia do crime. (Foto: Arquivo)

Foi solto pela Justiça nesta sexta-feira (31) o jovem Lucas dos Santos Mesquita, de 18 anos, que havia sido preso após confessar ter assassinado a facadas, o gerente comercial José Rodrigo Chaves dos Santos, 35 anos, achado morto na manhã do último dia (6), em um apartamento na Rua Bahia, no Bairro Monte Castelo, em Campo Grande.

Na decisão, no entanto, o juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida - quem concedeu a liberdade – estabeleceu que Lucas seja monitorado por tornozeleira eletrônica por seis meses ou até segunda ordem da justiça.

A conversão da prisão preventiva em liberdade foi concedida pois o acusado possui “residência fixa, trabalho lícito e não tem antecedentes criminais”, pontuou o juiz da 1ª Vara do Tribunal do Juri. 

Crime

José Rodrigo Chaves dos Santos foi assassinado com pelo menos dez facadas. Todos os ferimentos foram no peitoral da vítima e um deles na costas. À polícia o jovem contou que conheceu a vítima em uma tabacaria, e em seguida foram para o apartamento e lá houve a discussão. Ele alegou à polícia que José Rodrigo queria manter relações sexuais com ele e que, diante de uma negativa, acabou ocorrendo a briga.

Lucas, conforme a delegada, também teria ficado ferido e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para a Santa Casa. Depois que o corpo foi achado, na manhã do dia 6, os investigadores descobriram que alguém ferido havia sido socorrido naquela região e localizaram o rapaz. Ele seria dependente químico.Na Santa Casa Lucas confessou o crime e foi preso.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions