A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/04/2013 11:25

Jovens procuram por condutor que os atropelou e fugiu sem prestar socorro

Jéssica Benitez e Luciana Brazil
Por conta do acidente, Lúcio está com três pinos na perna (Foto: Vanderlei Aparecido)Por conta do acidente, Lúcio está com três pinos na perna (Foto: Vanderlei Aparecido)

Vítimas da imprudência no trânsito, o açougueiro Lúcio Pereira Silva, 22 anos, e o vendedor Thiago Vieira, 25 anos, tentam descobrir, desde o último dia 28, a identidade do motorista que passou em cima da moto onde os jovens estavam. A dupla voltava do trabalho para casa na véspera do feriado de sexta-feira Santa quando foram surpreendidos por um veículo em alta velocidade, por volta das 23h, próximo a Avenida Euler de Azevedo.

Segundo relato dos jovens, eles haviam acabado de abastecer a moto, e ao sair do posto de combustível, avistaram um Celta branco correndo em direção a eles. Thiago, que estava pilotando o veículo, freou, mas não foi suficiente para evitar a colisão. A moto acertou a porta do passageiro, mesmo assim o condutor não parou para prestar socorro aos rapazes.

Lúcio feriu a perna (tíbia) e está com três pinos para reparar o dano, um no joelho e dois no calcanhar. Thiago bateu a cabeça e machucou levemente os joelhos. Ambos foram levados à Santa Casa. Segundo a irmã do açougueiro, Raquel Pereira, 23 anos, pessoas que estavam em um bar próximo ao local do acidente tentaram, em vão, impedir a passagem do carro jogando cadeiras no veículo.

Somente os números da placa do Celta foram anotadas, dificultando ainda mais a busca pelo condutor irresponsável. Outro fator agravante foi a ausência da Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito) no local do acidente. Conforme Raquel o Boletim de Ocorrência não foi registrado porque a Ciptran não apareceu.

Agora, para registrar B.O, as vitimas terão que esperar laudo emitido pela Santa Casa. “Eles já gastaram R$ 600 com o conserto da moto e meu irmão está afastado do trabalho por 30 dias. Precisamos de ajuda para achar o condutor responsável por este transtorno”, explicou Raquel à reportagem do Campo Grande News.

Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


Motoristas com essa atitude estão ficando cada vez mais comum nesta cidade, ontem mesmo presenciei um atropelamento na AV. Afonso Pena na altura do obelisco com mesmas características, eram duas moças em uma moto paradas no semaforo e um carro arrancou pela direita arremessando a moça da garupa e o pior foi que passou por cima da outra que havia sido jogada mais a frente, não parou para prestar socorro e fugiu, a moça ficou lá toda torta no chão acho até que estava morta, e não consegui saber atraves de noticias sobre este acidente ocorrido logo após 22:00 h do dia 14/04/2013
 
Denise Vargas em 15/04/2013 16:37:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions