ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 17º

Capital

Juiz dispensa fiança e manda soltar motorista que destruiu semáforo

Homem de 34 anos não tem CNH e estava embriagado; ele vai usar tornozeleira eletrônica por 6 meses

Por Ana Paula Chuva | 26/05/2024 14:43
Caminhonete destruída e semáforo caído no local onde acidente aconteceu (Foto: Marcos Maluf)
Caminhonete destruída e semáforo caído no local onde acidente aconteceu (Foto: Marcos Maluf)

Treze dias após passar por audiência de custódia e ter fiança de R$ 4 mil arbitrada, o motorista da caminhonete L200 envolvida em acidente que derrubou semáforo na Avenida Duque de Caxias foi solto com tornozeleira eletrônica. Isso porque o juiz Waldir Peixoto Barbosa, da 5ª Vara Criminal de Campo Grande dispensou o pagamento do valor.

O acidente aconteceu na manhã de 5 de maio deste ano. Nove pessoas estavam no veículo, sendo três adolescentes de 15 e 16 anos que foram socorridos junto com outros quatro ocupantes da caminhonete, entre eles o motorista de 34 anos que não tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e estava embriagado, conforme teste de alcoolemia.

Dois dias depois, no dia 7, o motorista passou por audiência de custódia e na ocasião o juiz Jorge Tadashi Kuramoto arbitrou fiança de R$ 4 mil para que ele fosse solto. Como não houve o pagamento, o magistrado expediu o mandado de prisão preventiva e o homem foi encaminhado para presídio.

No entanto, no dia 20 de maio, o MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) se manifestou favorável à dispensa da fiança, já que o valor não havia sido pago ainda. Além da liberdade do acusado, caso não estivesse preso por outro motivo. O documento é assinado pelo promotor de Justiça Silvio Amaral Nogueira de Lima.

Com isso, no mesmo dia, o juiz Waldir Peixoto determinou que o motorista fosse solto com tornozeleira eletrônica, o equipamento deve ser usado por 180 dias, e a fiança foi dispensada. O magistrado também determinou que ele mantenha o endereço atualizado e comparecer em todos os atos do processo.

Tênis e peça de roupa que estavam dentro do veículo (Foto: Marcos Maluf)
Tênis e peça de roupa que estavam dentro do veículo (Foto: Marcos Maluf)

Acidente - A caminhonete bateu e derrubou um dos semáforos em frente ao CMO (Comando Militar do Oeste). O motorista levava oito passageiros, sendo alguns na carroceria da caminhonete, que ficou totalmente destruída. Ele fez teste de bafômetro, que constatou embriaguez.

Dos sete passageiros feridos, três estavam em estado grave, sendo eles: um menor de idade com suspeita de fratura no fêmur; um menor com suspeita de fratura nos arcos costais; um maior de idade com afundamento de crânio; um menor com afundamento de crânio; e um maior com fratura na tíbia e fíbula.

Todos foram socorridos por equipes do Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). A reportagem tentou atualizar o estado de saúde das vítimas com a Santa Casa, hospital para onde foram levadas, mas não teve retorno.

Mala com documentos de um advogado foram encontrados no veículo, inclusive a carteira da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso do Sul), mas não se sabe se ele seria a nona pessoa dentro da caminhonete.

No dia seguinte semáforo ainda estava caído no local (Foto: Henrique Kawaminami)
No dia seguinte semáforo ainda estava caído no local (Foto: Henrique Kawaminami)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias