A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Junho de 2018

15/05/2011 16:19

Julgado na quarta acusado de matar por vingança no Jardim Centenário

Nadyenka Castro

Crime foi no dia de Natal

Senta no banco dos réus do plenário do Tribunal do Júri, de Campo Grande, a partir das 8 horas de quarta-feira (18), Anderson Maykon Douglas Ortega de Brito.

Ele será julgado pela morte de João Henrique Vilhalba Pallhano, que tinha 21 anos, ocorrida na noite de 25 de dezembro de 2009, no Jardim Centenário.

O MPE (Ministério Público Estadual) pede a condenação de Anderson, que está preso desde 14 de maio do ano passado, por homicídio qualificado pelo motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Segundo a denúncia do MPE, Anderson matou João Henrique por vingança devido a desentendimento anterior (motivo torpe). Ele foi até residência da vítima, a chamou e quando saiu, atirou, matando-a.

Anderson confessa o crime. A defesa pede que sejam retiradas as qualificadoras.

Mortes no Natal revelam repetição de problemas antigos
As cinco mortes ocorridas de ontem para hoje em Campo Grande, em pleno dia de Natal, revelam claramente a repetição de problemas antigos, como o uso ...
Sobre efeito de drogas homem incendia residência e foge no São Conrado
Homem, de 26 anos, fugiu depois de incendiar uma residência da Rua Hamilton Veran, no Jardim São Conrado em Campo Grande. Ele é usuário de drogas e m...
Acusado de tentar matar após cobrança de dívida de R$ 20 vai a júri amanhã
A 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande analisa a partir das 8h desta quinta-feira denúncia contra o entregador Fernando Teixeira, 32, suspeito...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions