A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

31/03/2012 13:44

Julgado na terça-feira rapaz que matou outro na avenida Afonso Pena

Nadyenka Castro

Willian foi preso quatro dias depois e, na época, confessou o assassinato

Willian foi preso quatro dias após o crime. (Foto: João Garrigó)Willian foi preso quatro dias após o crime. (Foto: João Garrigó)

Será julgado na próxima terça-feira, pelo Tribunal do Júri, Willian Paniago Nery de Oliveira, 20 anos, que no dia 3 de outubro de 2010 atirou em Felipe Machado Felício, nos altos da avenida Afonso Pena, bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande. O júri popular está marcado para começar às 8 horas.

Vítima e autor tinham 18 anos quando o crime aconteceu. Felipe foi ferido na noite de domingo e morreu na segunda-feira, na Santa Casa. Willian foi preso quatro dias depois e, na época, confessou o assassinato.

Ele alegou que atirou em Felipe porque havia sido agredido pelo rapaz naquela noite e também três semanas antes. Outros dois jovens que teriam ajudado no crime foram impronunciados.

O julgamento do rapaz era para ter sido realizado em fevereiro, no entanto, uma testemunha não compareceu e o júri foi adiado.

Ela não havia sido localizada em dois endereços e, nesse dia, foi encontrada em um terceiro endereço e não foi levada ao plenário porque estava cuidando do filho menor de idade que havia sido vítima de atropelamento.

O MPE (Ministério Público Estadual), a defesa e o próprio réu fazem questão do depoimento em plenário da testemunha. Willian aguarda o julgamento preso.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions