A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

22/02/2019 17:10

Justiça concede liberdade a homem que furtou corpo de ex-namorada

O ex-tenente José Gomes Rodrigues havia sido preso por dirigir embriagado e defesa conseguiu liberdade; Rodrigues poderá voltar para casa, em Terenos

Silvia Frias e Viviane Oliveira
Ex-tenente foi preso no dia 17, depois de dirigir embriagado na Rua Joaquim Nabuco (Foto: Guilherme Henri)Ex-tenente foi preso no dia 17, depois de dirigir embriagado na Rua Joaquim Nabuco (Foto: Guilherme Henri)

O juiz Waldir Peixoto Barbosa, da 5ª Vara Criminal de Campo Grande, revogou a prisão do ex-tenente da Polícia Militar, José Gomes Rodrigues, 57 anos. Ele foi preso no dia 17 de fevereiro por dirigir embrigado, mas seu nome ganhou notoriedade ao furtar o corpo da ex-namorada, que havia sido sepultado em Dois Irmãos do Buriti.

A revogação de prisão foi deferida esta tarde, segundo informações do advogado Jakson Yamashita, que representa o ex-tenente. A justiça levou em conta os argumentos de que Rodrigues tem problemas de saúde – esquizofrenia, segundo a defesa – e, além disso, o crime de dirigir embriagado não representa grave ou violenta ameaça.

De acordo com o advogado, ele será liberado do Centro de Triagem, em Campo Grande, e pode voltar para casa, em Terenos, já que não há qualquer restrição em relação ao outro caso a que responde, o furto do corpo de Rosilei Potronieli, de 37 anos.

Rosilei foi esfaqueada no sábado, dia 9 de fevereiro, e morreu no dia 10. Autor do homicídio, Adailso Couto, foi preso após apresentar-se à polícia de Terenos. O velório e o enterro aconteceram na segunda-feira (11) pela manhã, mas no dia seguinte, após chamado do coveiro do cemitério, a Polícia Civil descobriu que o corpo havia sido furtado.

A investigação e duas prisões levaram a polícia ao ex-tenente e ex-namorado de Rosilei. Segundo Edson Maciel Gomes, primo de José e que ajudou na operação para levar o corpo do cemitério, o ex-PM e a mulher teriam um “pacto de amor eterno”.

O cadáver foi localizado na quarta-feira (13), enterrado na chácara de José Gomes Rodrigues, que fica em Campo Grande, na saída para Três Lagoas. Edson chegou a ser preso, mas foi ouvido e liberado.O corpo de Rosilei foi liberado pelo Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) no sábado (16) para o terceiro sepultamento.



O cidadão é pego embriago ao volante e alegam que não está colocando em risco pessoas??? Infelizmente a justiça continua imparcial em julgamentos, se o indivíduo tem problemas mentais, lugar dele não é no convívio com a população, já teve problemas anteriores.... Justiça é para todos, sem privilégios a ninguém.....
 
Martinez63 em 22/02/2019 18:29:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions