A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

05/01/2016 18:07

Justiça determina apreensão por 45 dias de adolescente que estuprou a avó

Flavio Paes

O adolescente de 16 anos, morador em Bandeirantes, a 70 quilômetros de Campo Grande, suspeito de ter estuprado, agredido e roubado, a avó paterna, por determinação da Justiça, vai ficar internado por 45 dias na UNEI- Dom Bosco na Capital.

Neste prazo a Polícia vai concluir as investigações e oferecer a denúncia ao Ministério Público. Por ser menor, o rapaz pode ser mantido na unidade no máximo por três anos, cumprindo medida sócio-educativa, mas quando atingir a maioridade, aos 18 anos, se livrará deste antecedente criminal.

Segundo o delegado Bruno Urban, que está respondendo pela delegacia de Bandeirantes, o rapaz é reincidentes em atos infracionais, incluindo furto (a idoso foi um das vítimas) e agressões. O pai dele, um trabalhador rural, diz que ele leva uma vida de ociosidade, não mostrando interesse pelos estudos ou em desenvolver qualquer trabalho

.No seu depoimento ele negou que tenha estuprado a avó, mas o delegado diz que o exame no corpo de delito feito na vítima, comprovou ela ter sido vítima de violência sexual.

O caso - O adolescente teria estuprado a avó paterna no último dia 31 de dezembro. O crime foi levado a polícia por uma irmão do suspeito, a quem a vítima relatou a violência que tinha sofrido. A avó relatou que estava em casa lavando louça, quando o neto chegou. Ele a imobilizou com uma gravata, a arrastou pelo pescoço até o quarto e em seguida a violentou. A mulher ainda foi agredida a socos. Depois do crime, o adolescente fugiu levando R$ 250 da vítima.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions