A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

06/01/2015 08:56

Ladrões são presos após promover arrastão por 6 horas em vários bairros

Renan Nucci e Filipe Prado
Fiat Pálio usado nos crimes havia sido roubado no ano passado. (Foto: Filipe Prado)Fiat Pálio usado nos crimes havia sido roubado no ano passado. (Foto: Filipe Prado)
Moto abandonada após ação criminosa no Pioneiros. (Foto: Filipe Prado)Moto abandonada após ação criminosa no Pioneiros. (Foto: Filipe Prado)

Jenniferson Bruno de Souza Gama, Weverton Cândido Fernando, ambos com 19 anos, e dois adolescentes de 16 e 17 anos, foram presos pela 5ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar) após cometerem um arrastão na noite de ontem (05), em Campo Grande. O grupo atacou pelo menos três pessoas no Jardim Itamaracá, Pioneiros e Rouxinóis , mas a polícia acredita que o número de vítimas roubadas possa ser maior.

O ladrões disseram que começaram a agir por volta das 18h, mas o primeiro registro foi feito só às 22h. Um homem procurou a delegacia para alegar que foi roubado enquanto transitava pela região do Itamaracá. Ele disse que quatro pessoas em um Fiat Pálio prata o abordaram, estando uma delas armada, e anunciaram o assalto. O homem foi obrigado a entregar uma mochila com o aparelho de telefone celular, carteira e outros pertences.

Em seguida, os ladrões se deslocaram até o Pioneiros, onde tentaram roubar uma pessoa que estava em frente ao Terminal Rodoviário, no entanto, a vítima reagiu e correu, frustrando a ação. Neste caso, além do Pálio, um dos bandidos estavam em uma moto Yamaha YBR vermelha. Depois o grupo se descolou para o Rouxinóis, onde cometeu outro crime.

A Polícia Militar foi acionada e passou a fazer buscas. A moto Yamaha foi encontrada abandonada na Avenida Guaicurus. Por volta da meia-noite, o grupo foi avistado em frente a um posto de combustíveis na Avenida Manoel da Costa Lima. Eles estavam em um Pálio com as mesmas características do veículo denunciado pelas vítimas. O adolescente de 16 anos era o motorista, e Wellington utilizava um revólver calibre 22 , encontrado debaixo do banco do passageiro, para ameaçar os alvos.

Os quatro foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, onde acabaram autuados em flagrante por roubo. O carro usado por eles havia sido roubado em novembro do ano passado, e utilizava uma placa que pertencia a outro automóvel do mesmo modelo, furtada há cerca de três semanas.

Antes de serem presos, os quatro venderam dois celulares roubados, na Nashville. A polícia acredita que eles cometeram mais roubos, só que as vítimas não se importaram em registrar o boletim de ocorrência.

Polícia prende acusado de matar homem a golpes de faca em assentamento
Um homem matou a facadas, na madrugada desta segunda-feira (5), um morador do Assentamento Geraldo, em Sidrolândia, a 71 quilômetros de Campo Grande....
Polícia investiga queima de arquivo em morte de motociclista
Um rapaz de 20 anos levou um tiro na cabeça, na perna e nas costas e foi veio a óbito nesta segunda-feira (5) enquanto pilotava uma motocicleta no ba...
Polícia prende “Sonaldinho” e comparsa, e recupera objetos furtados
A Polícia Militar prendeu na noite de ontem (03) Henrique Joel Rodrigues Fernandes, 29 anos, conhecido como Sonaldinho, e Wellington Nascimento de Qu...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions