A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/04/2012 13:40

Liberdade de pai que espancou filha é questionada por moradores

Elverson Cardozo

Vizinhos acreditam que justiça foi falha e que o agressor pode bater na filha novamente

Nadir Ferreira acredita que agressor precisa de tratamento psicológico. (Foto: Simão Nogueira)Nadir Ferreira acredita que agressor precisa de tratamento psicológico. (Foto: Simão Nogueira)

A liberdade do homem que foi flagrado espancando a filha de 9 anos, provocou, além da revolta, questionamento entre os moradores do bairro Mário Covas, em Campo Grande.

Vizinhos acreditam que solto, o pai pode agredir a filha novamente e, inclusive, cometer a mesma crueldade com outras crianças. Para a dona de casa Nadir Ferreira, de 44 anos, o homem precisa de tratamento.

“Ele tem que ter acompanhamento psicológico. Não adianta ficar preso. Se soltar, vai continuar”, opina.

Estarrecida com a decisão judicial, uma moradora que prefere não ser identificada afirmou que a justiça brasileira deveria ser mais rígida.

“Cada um deveria colocar seu filho na mesma situação para ver que atitude tomaria”, disse.

“Será que o filho desse pessoal que soltou, dessa autoridade, iria ficar feliz com essa atitude?”, questiona.

A comerciante Jaqueline de Lima, de 25 anos, diz que o pai da menina não vai cumprir a determinação judicial de ficar longe da garota e não sair de Campo Grande. “Vai continuar batendo”, disse.

Receber a notícia de que um morador da mesma rua havia sido preso por espancar a filha, não foi uma “notícia boa”, cometa Jaqueline.

Fernando Escobar Martiniano, de 16 anos, considerou a situação um “absurdo” e acredita que se o homem voltar para o bairro será linchado.

Revolta – Outra moradora que falou apenas sob a condição de não ser identificada, informou que ontem populares cercaram a casa do homem, quando souberam, pelos jornais, que ele havia sido solto. “Eu acho que se ele voltar é para morrer”, declara.

Liberdade - O homem foi solto na noite desta terça-feira (17). Deixou a Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), onde estava preso desde sexta-feira (13), por voltas das 18h30.

Ele foi liberado sem o pagamento de fiança, após pedido de habeas corpus solicitado pelo advogado. O agressor estava em uma cela junto com outros dois detidos considerados de baixa periculosidade.

A decisão judicial determina que o homem responda o processo em liberdade e sem sair de Campo Grande. Ele também está proibido de se aproximar da vítima.



Meu Deus esse monstro tem que pagar e muitoooo!!! É muita covardia fazer isso com uma criança.... Faz com um adulto!! Tem que ir para cadeia..Por favor se é que existe justiça nesse mundo!!
 
Silvia Oliveira em 05/08/2012 02:30:38
meu Deus, cadê a justiça nesse país ?
onde está a lei que protege as crianças e os adolescentes ?
 
Thainá Camargo de Almeida em 23/04/2012 05:06:43
e um verdadeiro absurdo concordo com você júlia precisamos ficar atentos neste caso isso e um monstro e não um pai temos nosso imagina a dor que esta criança sentiu caramba ela levantou toda molinha doi no coração d+ oh deus protege ela tenho medo do pai conseguir a guarda dela de novo tenho medo do que ela possa passar de novo com ele imaginem
 
kaline silva em 20/04/2012 11:32:31
PESSOAL VAMOS FAZER ALGO, VAMOS MOSTRAR QUE SOMOS CAPAZES DE REAGIR PERANTE A ANIMAIS COMO ESSE, ESSA MENINA PRECISA DE ABRIGO DE EDUCAÇAO, SEM A MÃE, COM TANTA AGRESSÃO, ME DIZEM COLOQUEM NO LUGAR DESSA MENINA, MUITOS DE NÓS NUNCA PASSAMOS NENHUMA NECESSIDADE, VAMOS PESSOAL, PRECISAMOS ACOMPANHAR TUDO, JA QUE NÃO TEMOS A JUSTIÇA DO NOSSO LADO, VAMOS MOSTRAR QUEM SOMOS NÓS.
 
JULIA PRUDENTE em 19/04/2012 06:30:24
PESSOAL, VAMOS ACOMPANHAR O PARADEIRO DESSE ANIMAL, E JÁ QUE NÃO HÁ JSUTIÇA VAMOS PROTEGER ELA, DESDE ONDE ESSE HOMEM VAI, E QUEM ESTA COM ELA, COMO ESTA SENDO TRATADA, VAMOS LIGAR, VAMOS OBSERVAR NEM QUE SEJA POR UMA JANELA, MAS UMA MENINA QUE NÃO TEM IDADE PARA SOFRER, ELA ESTA MAGRA E O PAI GORDO, PENSA NEM COMIDA TEM, E UM ANIMAL, PRECISAMOS MOSTRAR QUE NÓS NÃO ACEITAMOS ISSO.
 
JULIA PRUDENTE em 19/04/2012 06:28:06
como que uma pessoa que ta desempregada consegue dinheiro para pagar advogado????? será que esses advogados ;tem filhos; eita brasil
 
josias marques em 19/04/2012 05:33:34
Parando para pensar,acho que esse descontrolado ja está pagando pelo que tem feito por longo tempo,porque é um espancador dos mais fracos,e agóra esta sem paz, a menina é que tbm deve estar sofrendo,se achando culpada,precisa passar por
psicologo,e ir embora com sua mãe que é seu sangue, e que o padrasto lhe dê o carinho de pai q não teve e sua mãe lhe proteja sempre e lhe dê o carinho de uma MÃ
 
Delanyr Pareira em 19/04/2012 04:33:40
Que formação esta criança terá com um pai que a espanca por algo tão banal??? Com certeza ela terá um coração cheio de tristeza e frustrações, provavelmente ela se tornará também uma pessoa violenta, pois isso é o que tem aprendido e vivenciado em casa. E pior.. Pode até tentar buscar "abrigo ou carinho" na rua. Se queremos um Brasil melhor, precisamos lutar para que isto aconteça!!
 
Laura Cristina em 18/04/2012 06:30:32
bom ,nada justificaria a tal agressao cometida por esse pai ,seje por algo muito serio ou por um simples ima de geladeira ,todos nos nos questionamos quando um tipo de problemas desse venha a tona ,pois violencia domestica contrsa a criança acontecem a todo momento nesse pais afora ,temos que fazer alguma coisa para mudar isso na sociedade cadeia nele .....................................
 
alessandra ventura em 18/04/2012 03:59:29
Parabéns, justiça.
 
Marcia Regina em 18/04/2012 03:32:15
O artigo 5º do Estatuto da Criança e do Adolescente diz: “nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”. Portanto, enquanto cidadãos, nossa obrigação vai além de não cometer ato violento contra o público infanto-juvenil. É nosso, também, o compromisso de ajudar a identificar os agressores. Depois???
 
Ione Pessôa em 18/04/2012 03:17:02
O que vale mesmo neste pais (BRASIL) é passarinho...se esse "pai" (monstro) tivesse matado um passarinho com certeza ficaria preso pois é crime contra o meio ambiente ...inafiançável...que Deus tenha missericordia desta criança,´pois a justiça humana falhou mais uma vez.
 
Ester Menacho em 18/04/2012 02:38:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions