A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

11/12/2017 10:32

Licitação para serviço de tapa-buraco recebe 84 propostas de empresas

Valor envolvido supera R$ 34 milhões, para serviços nas sete regiões de Campo Grande

Leonardo Rocha e Mayara Bueno
Licitação vai escolher empresas para realizar serviços de tapa-buraco (Foto: Arquivo)Licitação vai escolher empresas para realizar serviços de tapa-buraco (Foto: Arquivo)

A Prefeitura de Campo Grande divulgou o resultado final da licitação, para contratar as empresas que vão realizar os serviços de tapa-buraco na Capital. Foram 84 propostas feitas para as sete regiões da cidade. Somando as primeiras colocadas de cada uma, a previsão de gastos da prefeitura é de R$ 34,2 milhões.

Para região do Anhanduizinho foram nove propostas, tendo na primeira colocação a empresa MR&JR Locação de Máquinas e Equipamentos, que apresentou o valor de R$ 6.575.530,38. Em segunda lugar aparece a Diferencial Serviços e Construções, com a proposta de R$ 6.575.564,27.

Na região do Bandeira, ficou na frente a Pavitec Construtora, com o valor de R$ 5.748.128,06, seguido pela Diferencial com R$ 5.866.305,46. Para a área central, a Diferencial aparece em primeiro lugar, com R$ 4.109.074,85, tendo em segundo a Gradual Engenharia que apresentou R$ 4.232.286,50.

A Diferencial também ficou a frente nas propostas da região do Imbirussu, com o valor de R$ 4.836.891,15, também tendo a Gradual em segundo, com R$ 4.963.742,02. Para a região do Lagoa aparece na frente a MR & JR Locação de Máquinas, com o valor de R$ 4.040.511,00, também seguido pela Gradual (R$ 4.045.653,99).

Na região do Prosa ocorre o inverso, tendo a Gradual com a melhor proposta (R$ 4,6 milhões) e a Diferencial na 2° posição, com o valor de R$ 4,9 milhões. Fechando a concorrência aparece a região do Segredo, que teve a melhor proposta da Pavitec, seguido pela Gradual.

A Prefeitura divulgou que a empresa Engepar Engenharia foi desclassificada em todos os lotes. Os interessados podem apresentar recursos no prazo de cinco dias úteis, após a data da publicação, que ocorreu hoje (11), no Diogrande.

Trabalho - O prefeito Marquinhos Trad (PSD) disse que já se reuniu com as empresas, e que se não tiver imprevisto espera firmar contratação, para que os trabalhos já comecem a partir da próxima segunda-feira (18).

Ele também ponderou que enquanto isto, a equipe da própria prefeitura vai realizar o trabalho de tapa-buraco. "Estamos fazendo nossa parte, sabemos que a chuva atrapalha, mas posso dizer que a quantidade de buraco é bem menor do que encontrei quando assumi", ponderou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions