ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  04    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Maio começa vestido de "amarelo" em ação contra mortes no trânsito

Por Leonardo Rocha e Guilherme Henri | 01/05/2016 10:19
Agentes do Detran-MS fazem a adesivagem para divulgar o movimento (Foto: Marcos Ermínio)
Agentes do Detran-MS fazem a adesivagem para divulgar o movimento (Foto: Marcos Ermínio)
Adesivagem acontece em cinco pontos da Avenida Afonso Pena neste domingo (Foto: Marcos Ermínio)
Adesivagem acontece em cinco pontos da Avenida Afonso Pena neste domingo (Foto: Marcos Ermínio)

Agentes do Detran-MS (Departamento Estadual do Trânsito) começaram o domingo fazendo adesivagem em cinco pontos da Avenida Afonso Pena, para divulgar o movimento "Maio Amarelo", que será lançado oficialmente amanhã (02), a partir das 6h30, na praça Ary Coelho.

A intenção é conscientizar a população sobre a importância de mudar atitudes no trânsito e assim colaborar contra a violência e as mortes em Campo Grande.

De acordo com a chefe da divisão de educação do Detran, Inês Esteves, o "Maio Amarelo" tem o intuito de mobilizar a população, para que haja uma redução nos acidentes de trânsito em Campo Grande, entendendo que esta mudança não faz parte apenas das ações das autoridades e órgãos competentes. "As pessoas também precisam ajudar, serem mais conscientes".

O Detran é o responsável por realizar este movimento em Mato Grosso do Sul, com o apoio de 100 instituições, coordenada pelo Poder Público e sociedade civil. Mas a ação é nacional.

A intenção é colocar em pauta o tema junto às empresas, entidades de classes, associações e federações, com ações e campanhas que possam chamar a atenção da sociedade, sobre o alto índice de mortes e feridos no trânsito.

O "Maio Amarelo" foi pensado para seguir outros movimentos de conscientização que deram certo, como o “Outubro Rosa” e o “Novembro Azul”, que tratam respectivamente de câncer de mama e próstata. Os temas foram bem discutidos tanto no âmbito da sociedade civil, como em audiências em órgãos públicos.