A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/05/2016 10:19

Maio começa vestido de "amarelo" em ação contra mortes no trânsito

Leonardo Rocha e Guilherme Henri
Agentes do Detran-MS fazem a adesivagem para divulgar o movimento (Foto: Marcos Ermínio)Agentes do Detran-MS fazem a adesivagem para divulgar o movimento (Foto: Marcos Ermínio)
Adesivagem acontece em cinco pontos da Avenida Afonso Pena neste domingo (Foto: Marcos Ermínio)Adesivagem acontece em cinco pontos da Avenida Afonso Pena neste domingo (Foto: Marcos Ermínio)

Agentes do Detran-MS (Departamento Estadual do Trânsito) começaram o domingo fazendo adesivagem em cinco pontos da Avenida Afonso Pena, para divulgar o movimento "Maio Amarelo", que será lançado oficialmente amanhã (02), a partir das 6h30, na praça Ary Coelho.

A intenção é conscientizar a população sobre a importância de mudar atitudes no trânsito e assim colaborar contra a violência e as mortes em Campo Grande.

De acordo com a chefe da divisão de educação do Detran, Inês Esteves, o "Maio Amarelo" tem o intuito de mobilizar a população, para que haja uma redução nos acidentes de trânsito em Campo Grande, entendendo que esta mudança não faz parte apenas das ações das autoridades e órgãos competentes. "As pessoas também precisam ajudar, serem mais conscientes".

O Detran é o responsável por realizar este movimento em Mato Grosso do Sul, com o apoio de 100 instituições, coordenada pelo Poder Público e sociedade civil. Mas a ação é nacional.

A intenção é colocar em pauta o tema junto às empresas, entidades de classes, associações e federações, com ações e campanhas que possam chamar a atenção da sociedade, sobre o alto índice de mortes e feridos no trânsito.

O "Maio Amarelo" foi pensado para seguir outros movimentos de conscientização que deram certo, como o “Outubro Rosa” e o “Novembro Azul”, que tratam respectivamente de câncer de mama e próstata. Os temas foram bem discutidos tanto no âmbito da sociedade civil, como em audiências em órgãos públicos.



Que tal parar de multar 10 mil pessoas por semana. Isso já ajuda.
 
BemFeito em 02/05/2016 09:45:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions