A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/09/2015 17:09

Maníaco da Cruz tem surto em presídio e fere agente com cabo de vassoura

Luana Rodrigues

Conhecido como "Maníaco da Cruz", Dyonathan Celestrino de 23 anos, se envolveu em uma confusão por volta das 11h25 de hoje(20), durante o almoço no Instituto Penal de Campo Grande. Segundo o boletim, há três semanas o detento vem apresentando agressividade e dizendo palavras e frases desconexas, além de tirar a roupa.

Conforme o registro de ocorrência, Dhionatan teria jogado a "marmita" e outros objetos nos demais presos. Ele ainda teria cuspido nos agentes penitenciários e os ameaçado.

Um dos agentes ficou com um ferimento no braço, depois que Dyonathan o atingiu com um cabo de vassoura com a ponta quebrada, como se fosse uma lança. O objeto foi apreendido e o detento está isolado.

Maníaco - Dyonathan está preso desde 2008, quando aos 16 anos, ele matou três pessoas. A primeira vítima foi um pedreiro, as outras foram duas meninas assassinadas nos dias 24 de agosto e 7 de outubro, em situação semelhante. Os crimes ocorreram em Rio Brilhante, há 163 quilômetros de Campo Grande.

Ele chegou a fugir da Unei de Ponta Porã, no dia 03 de março de 2013, mas foi recapturado em 27 de abril 2013, pela Polícia Nacional do Paraguai, na cidade de Horqueta. O rapaz foi entregue à Polícia Civil de Ponta Porã e levado para a delegacia.

Depois veio para Campo Grande, onde ficou alguns dias na 7ª Distrito Policial, e em seguida foi internado na Santa Casa de Campo Grande para exames. Durante o tempo em que esteve no hospital, ficou isolado e sob escolta policial e teve alta psiquiátrica no dia 23 de maio de 2013.

Na mesma época, MPE (Ministério Público Estadual de Ponta Porã), entrou com um pedido solicitando a internação compulsória do Maníaco, com base em laudos que mostravam que o rapaz não tinha capacidade de convívio social e poderia voltar a matar.

No dia 10 de julho, Dionatan foi internado em uma ala psiquiátrica da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande, em atendimento ao pedido de internação compulsória. E em seguida foi encaminhado para o Instituto Penal, onde permanece até hoje.



TÁ VIVO AINDA ESSA FIGURA? PRA QUE ESTÃO MANTENDO ELE SOB CUIDADOS DO ESTADO? ACHAM QUE ELE VAI FICAR BONZINHO E SER UM TRABALHADOR SANTINHO?
 
LUCIANO MARQUES em 21/09/2015 09:31:24
kkkkkkkkkk, Brasil de lixo, ficar gastando com um rato desses.
 
japa em 21/09/2015 09:24:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions