A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

05/04/2015 10:32

Mesmo com chuva, fiéis lotam as igrejas pela tradição da Páscoa

Renan Nucci e Leonardo Rocha
Fiéis lotam igrejas da Capital em comemoração ao domingo de Páscoa. (Foto: Marcos Ermínio)Fiéis lotam igrejas da Capital em comemoração ao domingo de Páscoa. (Foto: Marcos Ermínio)
Fieis destacam que neste mundo turbulento e de violência, a fé é uma forma de renovar a esperança (Foto: Marcos Ermínio)Fieis destacam que neste mundo turbulento e de violência, a fé é uma forma de renovar a esperança (Foto: Marcos Ermínio)
Nem o tempo chuvoso afastou os católicos das celebrações religiosas. (Foto: Marcos Ermínio)Nem o tempo chuvoso afastou os católicos das celebrações religiosas. (Foto: Marcos Ermínio)

Nem mesmo a chuva foi capaz de afastar os católicos que acordaram bem cedo para renovar a fé e manter as tradições acompanhando as missas de comemoração à ressurreição de Jesus Cristo, neste domingo (05) de Páscoa. Nas principais igrejas os eventos tiveram início bem cedo e devem se estender até de noite.

Na Igreja São José, no cruzamento da Rua Dom Aquino com a Pedro Celestino, no Centro, mais de 300 pessoas lotaram o local. Foi preciso improvisar algumas cadeiras do lado de fora para atender a demanda. Lá, a primeira missa foi realizada às 6h15 e outras devem acontecer ao longo do dia, até às 18h.

O funcionário público Gustavano Menezes, 28 anos, disse que sempre frequenta as igrejas independente do período de Páscoa, e tem notado uma redução no número de cristãos presentes. Ele afirma que é “importante que as pessoas permaneçam fiéis aos ensinamentos de Jesus Cristo, principalmente nestes tempos de violência”.

Maria Helena de Freitas, 46, bancária moradora em Bodoquena, veio à Capital para visitar parentes e, como de costume, acompanhou mais um evento religioso. Ela aproveitou a oportunidade para renovar sua fé e também para deixar um recado: “Para buscar tranquilidades e segurança da família, as pessoas não podem deixar de ter fé”, disse.

Já a professora Érica Hoffner, 33, compareceu à missa para participar do batizado do sobrinho e também para dar exemplo aos quatro filhos que a acompanharam. “É preciso dar exemplo para que eles continuem indo no futuro”, afirmou ela que também marca presença assiduamente nas igrejas durante todo ano. Ao contrário do que pensa o funcionário público, ela não vê redução no número de fiéis. “As igrejas estão sempre cheias”.

Na Igreja Santo Antônio, na Avenida Calógeras, mais de 200 pessoas acompanhavam a celebração em homenagem à ressurreição de Cristo. A primeira missa começou às 7h e a última deve começar às 19h, com várias ao longo do dia. A professora Ana Rocha acredita que todo mundo precisa de ouvir a palavra para se renovar e buscar forças para enfrentar o dia a dia. Para ela, a “fé é fundamental para este momento conturbado em que o mundo se encontra”.

O radialista Nelson Henrique, 28 anos, lembra que é importante que os católicos participem das grandes comemorações, mas que também participem das missas normais. Ele acredita que hoje em dia as pessoas confundem o verdadeiro sentimento e que é preciso se afixar no verdadeiro significado da Páscoa, que é não abandonar a fé e seguir com a tradição. “O verdadeiro católico continua indo (às missas) independente se são importantes ou não”.

A autônoma Joelma Becker, 31 anos, diz que durante a Quaresma os católicos refletem sobre a importância de Deus em suas vidas. O domingo de Páscoa também é de ressureição para cada um dos fiéis que precisam repetir os gestos do próprio Jesus. Ela destaca ainda que a volta dos jovens para as igrejas pode significar um novo momento para a religião. “Reforço na fé e na tradição”.

Professora Erica Hoffner levou seus quatro filhos na missa de hoje e ressaltou que pretende dar exemplo para que eles continuem na fé (Foto: Marcos Ermínio)Professora Erica Hoffner levou seus quatro filhos na missa de hoje e ressaltou que pretende dar exemplo para que eles continuem na fé (Foto: Marcos Ermínio)
O radialista Nelson Henrique ressaltou que o verdadeiro católico frequenta além das datas comemorativas, as demais missas com assiduidade  (Foto: Marcos Ermínio)O radialista Nelson Henrique ressaltou que o verdadeiro católico frequenta além das datas comemorativas, as demais missas com assiduidade (Foto: Marcos Ermínio)
Corridas de rua movimentam Campo Grande no domingo de Páscoa
Duas corridas de ruas irão movimentar Campo Grande neste domingo de Páscoa (05), sendo que a primeira ocorre a partir das 7h30, na região das Morenin...
Domingo de Páscoa pode ter temporais com ventos de até 90 km/h, alerta Inmet
O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu alerta para temporal com trovoadas, descargas elétricas e ventos que podem chegar a 90 quilômetro...
Consumo excessivo de açúcar na Páscoa pode afetar visão, alerta especialista
Com a chegada da Páscoa, os abusos com o chocolate podem gerar vários problemas de saúde, inclusive para os olhos. O conselheiro da Sociedade Brasile...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions