A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/12/2015 10:12

Militar morto em tiroteio era tenente capixaba aposentado há 11 anos

Viviane Oliveira
Denivaldo morreu após discussão com policial civil. (Foto: reprodução/Facebook)Denivaldo morreu após discussão com policial civil. (Foto: reprodução/Facebook)
Local onde ocorreu a confraternização. (Foto: Marcos Ermínio) Local onde ocorreu a confraternização. (Foto: Marcos Ermínio)

O militar Denivaldo Teixeira Santos, 58 anos, envolvido no tiroteio que acabou com a morte dele e de um policial civil, era segundo tenente aposentado do Exército de Vila Velha, no Espirito Santo.

Conforme a assessoria de imprensa do CMO (Comando Militar do Oeste), Denivaldo estava na reserva remunerada desde 2004. Ele era do 38º Batalhão de Infantaria de Vila Velha.

O crime aconteceu na noite desta quinta-feira (17), durante confraternização em uma garagem de compra e vendas de veículos, na Rua Dona Henriqueta Vicente de Almeida, próximo a Trindade, Vila Ieda, em Campo Grande.

Por causa de um discussão sobre um veículo estacionado em local proibido, Denivaldo e o policial civil Dalmir Martins da Silva, 50 anos, atiraram um contra o outro e os dois morreram antes da chegada do socorro. A tragédia aconteceu após 7 horas de festa.

O caso foi registrado como homicídio qualificado por motivo fútil na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions