A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

05/05/2016 14:56

Moradores de favela discordam de despejo e bloqueiam trecho da BR-163

Thiago de Souza e Amanda Bogo
BR-163, no anel viário, foi totalmente bloqueada por manifestantes. (Foto: Pedro Peralta)BR-163, no anel viário, foi totalmente bloqueada por manifestantes. (Foto: Pedro Peralta)
Trânsito ficou parado durante protesto de moradores do Jardim Noroeste. (Foto: Pedro Peralta)Trânsito ficou parado durante protesto de moradores do Jardim Noroeste. (Foto: Pedro Peralta)
Liderança comunitária diz que comunidade precisa ser ouvida. (Foto: Pedro Peralta)Liderança comunitária diz que comunidade precisa ser ouvida. (Foto: Pedro Peralta)

Moradores que vivem em uma área na Avenida Marechal Mallet, no Jardim Noroeste, bloqueram um trecho do anel viário, na BR-163, no início da tarde desta quinta-feira (5), próximo à saída para Três Lagoas. A revolta dos populares é por conta de uma ordem de despejo, pedida pela concessionária de energia elétrica, que teria sido entregue a eles, na manhã de hoje, e o motivo seria uma torre de energia de alta tensão que poderia causar riscos aos moradores.

O bloqueio total da rodovia começou às 13 horas, com moradores ateando fogo em pedaços de pau, palets e até latas de tinta. O que gerou mais revolta nos manifestantes, foi o fato de somente os moradores terem sido retirados, e não uma concessionária de caminhões, que segundo eles também está em local de risco. 

"Esse bloqueio foi feito para que a comunidade possa ser escutada", afirmou Renan Ferreira Rodrigues, presidente da Associação de Moradores do Jardim Noroeste.

A liderança disse ainda que questões como transporte público e segurança no bairro também são reivindicações do grupo. "Moro aqui há 8 anos e nunca vi um patrulhamento", relatou.

Ainda segundo Rodrigues, caso o prefeito Alcides Bernal não vá ao local, o prostesto vai continuar com o fechamento da rodovia.

Segundo Antônio Jesus, assessor da Prefeitura, que esteve no local, uma comissão com 5 moradores será formada e recebida pelo prefeito, no gabinete da Prefeitura.

A CCR-MSVia esteve no local, apagou o fogo no entulho e liberou o tráfego em um sentido.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions