A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

16/05/2012 14:12

Moradores de rua são detidos após tentar invadir prédio da Santa Casa

Elverson Cardozo e Luciana Brazil

Confusão começou porque um prestador de serviço do hospital se recusou a dar dinheiro para o grupo

Grupo preso está na frente da Santa Casa há mais de 4 anos. (Foto: João Garrigó/Arquivo)Grupo preso está na frente da Santa Casa há mais de 4 anos. (Foto: João Garrigó/Arquivo)

Cinco moradores de rua foram detidos na manhã desta quarta-feira (16) após tentar invadir as dependências da Santa Casa, em Campo Grande. A confusão começou porque um prestador de serviço da associação, ao estacionar o carro na rua 13 de maio, se negou a dar dinheiro para o grupo, que vive na frente do hospital há mais de 4 anos.

Segundo o relato feito à Polícia, ao ouvir do funcionário que a rua era pública eles se revoltaram, tentaram apedrejar o prédio e invadir a Santa Casa. Além disso, jogaram lixo no terreno e ameaçaram funcionários.

Foram detidos: Carlos Alberto Romeu, 26 anos, Luis Roberto Campos, de 30 anos, Valgremir Santana, de 27 anos, Elaine Francisca da Costa, de 19 anos e Divino Ferreira, de 49 anos.

Os envolvidos, segundo a assessoria de imprensa do hospital, já são conhecidos e frequentente causam transtornos a pacientes e funcionários.

A PM (Polícia Militar) informou que o grupo foi detido porque descumpriu uma ordem judicial. Pela determinação, eles estão proibidos de entrar no prédio.

Todos foram encaminhados à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do centro, onde aguardam para prestar depoimento. A polícia vai elaborar um TCO (Termo Circunstancial de Ocorrência).

Carlos, Luis, Valgremir, Elaine e Divino serão ouvidos e, após assinarem um termo de compromisso, serão liberados.

Homem é agredido e sofre afundamento de crânio na Júlio de Castilho
Márcio Ferreira dos Santos, 31 anos, foi agredido e sofreu afundamento de crânio, na noite de ontem (13), na Avenida Júlio de Castilhos, em Campo Gra...
Ceinf recebe nesta quinta parque de pneus construído por detentos
Acontece nesta quinta-feira (14), a partir das 8h no Ceinf (Centro de Educação Infantil) Rafael Abraão - CAIC Aero Rancho, a entrega do parque constr...


Por favor, gostaria que alguém dos direitos dos animais de Campo Grande, Abrigo dos Bichos, ou outro órgão que tomasse conta dos cachorrinhos que ficaram lá, onde eles moram na frente da Santa Casa, por favor, coitado dos animaizinhos !!
 
Murillo Câmara em 16/05/2012 08:40:42
tenho um lugar ótimo para eles montarem acampamento, bem em frente a governadoria
 
thiago resende em 16/05/2012 06:53:01
A titulo de informação alguns comerciantes locais doam alimentação e cobertores ao grupo por medo de retaliação.A prefeitura ja tentou dar auxilio e tiralos do local varias vezes mais os mesmos não saem, ou quando saem no outro dia estão la de novo.Eu tambem ja sofri ameaças por estes marginais disfarçados de "CARENTES" a prisão veio tarde. O problema é que logo serão liberados.
 
Edi Carlos em 16/05/2012 06:18:41
Gente na boa se eles continuam lá é pq algumas pessoas sustentam a moradia dls, dando dinheiro e até mesmo comida e roupas. Já vi na midia campanha p/ ajudar essas pessoas q/ ficam ai em frente a Snt Casa ganharam barracas cobertores etc, assim nem eu sairia deste lugar. Entendo temos q/ ajudar o próximo mas tudo tem limites, pois nesse caso já ta virando safadagem.
 
silvania rosa em 16/05/2012 06:12:04
Seja lá o que ou quem for, ... afrontou, desrespeitou ou deu prejuizo à outrem... deve ser punido à altura, independente de condição social, pisiquica ou os cambau , esse povo já perturbou demais, pagamos impostos prá que ? Porque não montam acampamento lá no gramado do trevo que da saída p São Paulo ???
 
Rodolfo deToledo em 16/05/2012 05:38:17
prezada senhora margarida
só para titulo de informação estas pessoas ja foram sim convidadas pela prefeitura para serem retiradas de la, foi oferecido um lugar de permanencia aonde poderiam ficar, POREM recusaram-se e voltaram para este mesmo lugar o motivo segundo os mesmos é que o lugar oferecido tinha muitas regras. na verdade estao ali não por falta de auxilio e sim por opção
 
marcel dos santos nobre em 16/05/2012 05:33:03
Gente!!!! cadê os órgãos da prefeitura para tomarem providência!! estão lá a mais 4 anos ! e não saem de lá porque?? algum motivo tem... deve ser benéfico para eles, se vivem ali, é está tendo ajuda com alimentação, etc.
 
Margarida Rodrigues em 16/05/2012 02:50:55
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions