ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 10º

Capital

Motociclista que foi arremessado após bater em caçamba tem perna amputada

O paciente segue internado no hospital, sedado e intubado. O quadro de saúde dele é considerado grave

Por Viviane Oliveira | 02/03/2021 08:56
Motociclista colidiu em caçamba e foi arremessado por 45 metros (Foto: Marcos Maluf) 
Motociclista colidiu em caçamba e foi arremessado por 45 metros (Foto: Marcos Maluf)

O motociclista Júlio César Garcia da Silva, 22 anos, arremessado por 45 metros após bater em caçamba na madrugada do último domingo (dia 28), teve a perna direita amputada na Santa Casa, onde continua internado recebendo atendimento médico. O acidente aconteceu no cruzamento da Santa Quitéria com a Rua dos Resende, no Jardim Centenário, por volta das 4h.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital, o paciente está no CTI (Centro de Terapia Intensiva), sedado, intubado e segue em observação clínica em razão do procedimento cirúrgico para amputação da perna e correção de fratura de punhos. O estado de saúde dele é considerado grave.

De acordo com policiais do BPMTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito), que atenderam a ocorrência, a vítima seguia pela Santa Quitéria,  sentido Centro ao bairro, quando a motocicleta, uma Titan 150, atingiu a caçamba. O condutor não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e a documentação da moto estava irregular. Segundo moradores da região, a caçamba, sem faixa refletivas, foi colocada no sábado (27) na via.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário