A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

11/07/2014 19:35

MPE requer piso tátil para centro de apoio ao deficiente visual

Filipe Prado
A entrada do CAP/DV não possui piso tátil (Foto: Marcos Ermínio)A entrada do CAP/DV não possui piso tátil (Foto: Marcos Ermínio)
A calçada não está preparada para receber os deficientes visuais (Foto: Marcos Ermínio)A calçada não está preparada para receber os deficientes visuais (Foto: Marcos Ermínio)

O MPE (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) instaurou um inquérito contra o município para obrigar o CAP/DV (Centro de Apoio Pedagógico ao Deficiente Visual) a instalar a acessibilidade apropriada para o local.

O CAP/DV tem o objetivo de dar suporte pedagógico e suplementação didática para alunos com deficiência visual. O centro, anexo da Escola Estadual Lúcia Martins Coelho, não possui quaisquer tipo de acessibilidade. No entorno, as calçadas, danificadas, não possuem o piso tátil, utilizado para o passeio dos deficientes visuais.

Na entrada do CAP/DV não existe sinalização que informe ao deficiente visual o caminho, nem mesmo dentro do centro de apoio.

O ministério público, conforme o procedimento preparatório, quer garantir o piso tátil no CAP/DV.

O Campo Grande News foi até o centro, porém não havia alunos e a diretora estava de folga, por conta do recesso escolar. A assessoria de comunicação da SED (Secretaria de Estado de Educação) também foi contatada, mas as ligações não foram atendidas.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions