A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

01/11/2017 13:07

MTE flagra 14 crianças em situação de trabalho infantil em cemitérios

Ação é realizada em todo o Estado e na Capital 11 crianças foram flagradas no cemitério Santo Antônio e três no Santo Amaro

Guilherme Henri
Agentes durante abordagem a crianças em cemitério de Campo Grande no ano passado (Foto: MTE/Divulgação/Arquivo)Agentes durante abordagem a crianças em cemitério de Campo Grande no ano passado (Foto: MTE/Divulgação/Arquivo)

O MTE-MS (Ministério do Trabalho e Emprego) de Mato Grosso do Sul flagrou 14 crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil nesta quarta-feira (1º) em cemitérios da Capital. Delas, 11 estavam oferecendo serviços de limpeza de lápides no cemitério Santo Antônio e três no Santo Amaro.

Conforme o órgão é comum em todo país crianças e adolescentes irem aos cemitérios nos dias mais movimentados e oferecem aos visitantes o serviço de limpeza das lápides e túmulos e ainda comercializam produtos como flores e velas no Dia de Finados.

Devido a situação, a Superintendência Regional do Trabalho em Mato Grosso do Sul realiza a partir de hoje (1º) a operação de combate ao trabalho infantil no Estado mirando os cemitérios.

A ação é realizada em conjunto com os conselhos tutelares e Prefeitura de Campo Grande, por meio das secretarias municipais de Assistência Social, de Segurança e Defesa Social e de Meio Ambiente e Gestão Urbana.

De acordo com o chefe da Seção de Inspeção do Trabalho da SRT-MS, auditor-fiscal Kleber Pereira de Araújo e Silva, as administrações dos cemitérios particulares se comprometeram a coibir qualquer tipo de trabalho desenvolvido por crianças e adolescentes e colocaram faixas para conscientizar a população.

“É comum pessoas que visitam os cemitérios contratarem o serviço dos menores para a limpeza dos túmulos de parentes, por isso a importância de uma ação combinada para a conscientização e repressão dessa prática”, diz Kleber.

Números - Só em 2016, a SRT-MS encontrou 49 crianças e adolescentes trabalhando na limpeza de túmulos nos cemitérios da capital sul-mato-grossense.

O trabalho em cemitérios é proibido para o menor de 18 anos, pois está no rol das piores formas de trabalho infantil (Lista TIP). O decreto presidencial que trata da proibição das piores formas de trabalho infantil e ação imediata para sua eliminação traz a informação de que o trabalho infantil em cemitérios expõe as crianças e adolescente a esforços físicos intensos, calor, riscos biológicos (bactérias, fungos, ratos e outros animais, inclusive peçonhentos), risco de acidentes e estresse psíquico.

MTE fiscalizam cemitérios para coibir trabalho infantil no Dia de Finados
Agentes da Superintendência Regional do Trabalho em Mato Grosso do Sul percorrerão cemitérios de Campo Grande na quinta-feira (2) para coibir o traba...
Prefeitura abre segunda inscrições para seleção de servidores para cemitérios
A Prefeitura de Campo Grande abre na próxima segunda-feira (25) as inscrições de um processo seletivo para contratar 19 profissionais em caráter temp...


Hipocrisia isso sempre trabalhei no cemitério nunca morri ,era melhor época para a gente ganhar uma grana eu não esperava outra data para ganhar um dindin hoje não pode isso não pode aquilo!
 
Sergio Lima em 01/11/2017 14:05:45
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions