A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

25/09/2015 07:05

Mulher é assassinada com três tiros e marido é o principal suspeito

Viviane Oliveira
Rua onde fica a casa que a mulher foi morta a tiros. (Foto: Marcos Ermínio) Rua onde fica a casa que a mulher foi morta a tiros. (Foto: Marcos Ermínio)

A dona de casa Izabel de Oliveira Almeida, 40 anos, foi morta com pelo menos três tiros no abdômen por volta das 23h de ontem (24), na Rua Lerverno de Queiroz, no Jardim Sayonara, em Campo Grande. O principal suspeito de ter cometido o crime é o marido dela, que ainda não teve o nome divulgado.

Conforme o Corpo de Bombeiros, a mulher foi encontrada caída em um dos cômodos da casa. Ela foi socorrida ainda com vida, mas durante o trajeto até o hospital teve duas paradas cardíacas e morreu ainda na viatura. Testemunhas contaram aos socorristas, que ouviram pelo menos cinco disparos na residência do casal. Depois do crime, a Polícia Militar fez rondas na região, mas não conseguiu encontrar o suspeito. O caso foi registrado como feminicídio na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Este é o segundo caso de mulher assassinada pelo marido em menos de duas semanas no Estado. No último dia 17, Olivia Vilhalba Bonfim Fonseca, 48, foi morta a golpes de faca quando ia para o trabalho no início da manhã, em Dourados, a 233 km de Campo Grande. Ela foi atingida com pelo menos cinco golpes de faca e o corpo encontrado no meio da rua. O principal suspeito de ter cometido o crime é Marcelo Camargo, 36, ex-namorado de Olivia, que foi preso em flagrante.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions