A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

16/08/2011 17:11

Mulher foi morta devido a envolvimento do filho com drogas

Nadyenka Castro

Tiros transfixaram casa de madeira, no Estrela do Sul, e atingiram a mulher

A cabeleireira Maiza de Oliveira, de 46 anos, atingida por dois tiros na madrugada da última segunda-feira, em sua própria casa, em Campo Grande, morreu devido ao envolvimento de um dos seus filhos com o tráfico de drogas.

De acordo com o delegado Fábio Sampaio, responsável pelas investigações, já há suspeitos do crime e várias equipes trabalham para o esclarecimento do caso.

Maisa dormia quando foi atingida pelos tiros. Os assassinos não entraram na casa. Fizeram os disparos do lado de fora e como a residência é de madeira, os projéteis transfixaram a parede e mataram a cabeleireira.

Testemunhas disseram à Polícia que uma caminhonete Blazer passou na frente da residência e um ocupante efetuou vários disparos. A mulher foi atingida por um tiro nas costa e outro no braço esquerdo.

Uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegou a ser acionado, mas o médico da unidade constatou que Maísa estava morta.

No local do crime, peritos encontraram mais de 10 cápsulas de bala. Duas motos, que estavam no fundo da casa, também foram alvejadas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions