A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

11/07/2013 18:12

Mulher que sobreviveu a 8 tiros ainda é ameaçada pelo ex-marido

Nadyenka Castro
Fábio está foragido e continua a ameaçar a ex-mulher. (Foto: Marcos Ermínio)Fábio está foragido e continua a ameaçar a ex-mulher. (Foto: Marcos Ermínio)
Natália está com ferimentos nos braços, abdômen e costas. (Foto: Marcos Ermínio)Natália está com ferimentos nos braços, abdômen e costas. (Foto: Marcos Ermínio)

Sobrevivente a oito tiros disparados pelo ex-marido, Natália dos Santos Oinge, 23 anos, continua sendo ameaçada por Fábio Souza Santos, que está foragido. O crime aconteceu no dia 28 de junho, no bairro São Conrado, em Campo Grande, e foi testemunhado pelo filho do casal, de dois anos e seis meses.

Por causa das novas ameaças, ela, o filho e a mãe tiveram que mudar de endereço. “Estou muito abalada com tudo isso”, resume a jovem, que está com pontos e curativos nas costas, abdômen e braços.

Natália e Fábio viveram juntos por sete anos. “Ele me batia, ameaçava matar minha mãe e eu tinha medo de denunciar”, conta a jovem, que há oito meses deu fim a relação. Sem aceitar o término, o rapaz passou a persegui-la e, em dezembro do ano passado tentou matá-la pela primeira vez: Ela foi alvejada nas costas e sobreviveu.

A tentativa de homicídio foi denunciada à Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), que pediu a prisão de Fábio. O pedido foi deferido. Mesmo foragido e proibido de se aproximar da ex-mulher, ele continuou a ter contato com ela, mas, sem agressões.

“Por incrível que pareça ele estava normal. Conversava comigo normal e de vez em quando ia em casa levar algumas compras para o nosso filho”, diz Natália sobre Fábio. Ela acrescenta ainda que o ex nunca pagou pensão e que era carinhoso com o menino.

Conforme a jovem, poucos minutos antes do crime, ela fazia o filho dormir quando Fábio ligou e disse que iria levar um remédio para o menino que estava gripado. Quando ele chegou, ela foi até o portão atende-lo, pegou o medicamento e já foi atingida. “Não lembro muita coisa. Só sei que foi um tiro atrás do outro, que caí, que ele estava perto. Eu chamei minha mãe e pensei que ia morrer”.

Após atingir a mulher com oito tiros, Fábio fugiu em uma motocicleta, que de acordo com a vítima, é de um amigo dele. Amigo que pilotava o veículo.

O crime foi testemunhado pelo filho do casal. “Quando eu levantei da cama ele levantou também e ficou na porta. Quando ouviu os tiros gritou. Agora ele diz: o papai fez dodói na mamãe”.

Natália foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para a Santa Casa. E foi quando ainda estava no hospital que Fábio voltou a ameaçá-la. “Ele mandou mensagem no celular da minha dizendo que iria no hospital terminar o que ele havia começado”. Ela conta ainda que além da mensagem, recebeu ligações também em tons de ameaças.

Os tiros atingiram Natália nas costas, braços e abdômen. Entre os órgãos feridos estão os rins, ovário e intestino. Fábio já tem dois mandados de prisão e passagens por vários crimes, entre eles tráfico de drogas. A Polícia pede ajuda para localizar o foragido. Denúncias podem ser feitas ao telefone 3384-1149.

Mulher é alvejada por dois tiros e ex-marido é principal suspeito
Uma mulher foi alvejada por dois tiros na noite desta sexta-feira, no bairro São Conrado, em Campo Grande. O ex-marido dela é o principal suspeito. D...
Homem tem corpo queimado em acidente doméstico e morre na Santa Casa
Após dois dias internado, José Loureiro da Cruz, 49 anos, morreu por volta das 6h30 desta sexta-feira (15) na Santa Casa em decorrência de acidente d...


Se ela fosse uma empresária, ou alguém influente, já teriam colocado as mãos no malandro...O que fazer com sujeito desses??? Capaz de ferir a mãe diante do próprio filho, arriscando até acertar a criança... Lamentável.
 
Vanuza Ribeiro de Souza em 11/04/2014 13:54:02
a policia pede ajuda para localizar, para que? se a justiça solta ele rapidinho.... bem q a policia poderia achar ele, e falar que ele resistiu a prisão, e assim acabar com o tormento desta mulher e da familia dela.. é o jeito mais fácil ....
 
Gilmar dos Santos em 12/07/2013 14:53:36
que o capeta que tome conta desse ordináriue não pensou no próprio filho
 
djalma de souzad em 12/07/2013 14:33:25
Mas convenhamos, né? Tem mulher que procura. Se o cara já tem mandado de prisão por vários crimes, por que se envolver com um tipo desse?
 
Ricardo Griao em 12/07/2013 09:10:10
Esse é o tipo de pessoa que deve ficar preso por pelo menos uns 20 anos sem direito a qualquer tipo de benefício.
 
jorge oliveira em 12/07/2013 07:23:37
Essa é a justiça "brasileira", leis feitas pelos criminosos para beneficiar os criminosos! Não temos leis pesadas para que políticos e pessoas de alto escalão não serem presas e com isso os pequenos criminosos se beneficiam junto! É só ir na casa do pai dele que ele conta onde o criminoso esta escondido e se não contar é só torturar como o mesmo esta fazendo, que se for preso por 30 anos (só sei do maniaco da luz vermelha que cumpriu isso!) será uma pena muito fraca para quem por duas vezes tentou matar a mesma pessoa sendo mãe de seu filho corria risco de ser acertado pelos disparos e que não terias nenhum dos pais para lhe dar um futuro! A Natália também merece ser punida pois mesmo sabendo dos crimes do mesmo se envolveu com ele. Escolheu o quis assume as consequências, saibam escolher !
 
Alexandre de Souza em 11/07/2013 21:03:38
Espero que "alguém apareça" e faça "uma caridade" para essa senhora... mandar esse monstro para o mundo "dos pés-juntos"!!
 
Jeanne Couto em 11/07/2013 20:10:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions