A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

18/06/2011 17:19

Mulheres se reúnem para mostrar como dever ser natural o ato de amamentar

Viviane Oliveira

No encontro, além de dar o peito aos filhos, elas debateram o assunto e tiraram dúvidas

Aproximadamente 30 mulheres participaram do encontro. (Foto: Simão Nogueira)Aproximadamente 30 mulheres participaram do encontro. (Foto: Simão Nogueira)

Aproximadamente 30 mulheres se reuniram para mostrar como deve ser natural o ato de amamentar em público. O movimento, chamado Mamaço, foi na tarde deste sábado no Hipermercado Comper do Jardim dos Estados, em Campo Grande.

A idealizadora do movimento, Ariane Oshiro, 27 anos, disse que o mamaço surgiu após dois fatos: Uma mãe teve a foto em que aparecia amamentando retirada do Facebook e a outra mãe foi repreendida pelo segurança ao dar de mamar ao filho em um local público em São Paulo.

A argumentação utilizada pelo segurança foi de que era proibido se alimentar no local. Após o incidente, a mulher organizou o que chamou de mamaço cultural como forma de protesto.

“O mamaço já foi realizado em cidades como Belo Horizonte, Belém, Brasília, Campinas, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife, Porto Alegre, e não poderia deixar de ser feito em Campo Grande”, disse Ariane.

Para a advogada Cinthia Moralles, 29 anos, a amamentação tem que ser vista como um ato natural e de amor. “Minha filha mais velha mamou até os 10 meses, parou por vontade própria. Segundo ela, o caçula Arthur de seis meses vai mamar até quando quiser”.

No encontro, além de dar o peito aos filhos em público, elas debateram o assunto e tiraram dúvidas. “Mesmo que para algumas mães não é fácil amamentar, eu peço para que elas não desistam”, finaliza Ariane.

Saúde - Os pediatras recomendam o aleitamento materno até os seis meses de idade. A amamentação exclusiva reduz a mortalidade infantil por enfermidades comuns da infância, como diarréia e pneumonia, e ajuda na recuperação de doenças.

De família de escritores, médico lança amanhã livro com poemas
O renomado psiquiatra Marcos Estevão lança nesta quinta-feira (14) em Campo Grande o livro de poesias "Pedaços de Mim", que é um compilado de poemas....
Renegociação de dívidas com a Águas Guariroba pode ser feita até o dia 29
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


parabéns , linda e maravilhosa, materia,nos dias atuais um grande exemplo de amor,para com filhos,e amor ao proximo,afinal levar comhecimento, experiência para populção mais carente demostrar todo seu amor ,o mundo ,a todas as maes que participaram deste inédito evento, especial grande ane, seu filho Pedro.
 
adão de arruda sales em 19/06/2011 08:36:44
Eu apoio o mamaço cultural...o que tem de mais a mãe amamentar em qualquer local? O pecado está na cabeça de quem peca.
 
Estefania Mesquita em 19/06/2011 08:03:03
participei do evento e fiquei muito feliz por pessoas espontaneamente se manisfetarem ao direito do bebe ter o afeto de sua mae, e claro se nutrir...
 
Paula Serafin em 19/06/2011 05:25:51
Que exemplo lindo! Parabéns. Um de nossos filhos mamou até a idade de três anos. Minha esposa nunca teve qualquer preconceito em amamentar nossos filhos. Parabéns a essas mães que vem dando um grande exemplo de abnegação e cuidados com seus filhos.
 
almir bstista alves em 19/06/2011 05:02:08
eu sou a favor do mamaço ,minha filha tem 1 ano e 3 meses e mama no peito ate hoje,na ora q ela quer ,omde eu estiver eu a amamento,eu acho muinto bonito aquele contato,e natural,e mais ela nunca ficou doente,pq dei peito exclusivamente ate os seis meses.
 
laura cristina dias em 18/06/2011 10:41:04
Olha!! Um gesto belissimo.. Parabens senhoras pelo gesto e pela nobre camapnha..
 
oldemar rodrigues em 18/06/2011 09:13:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions