A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Abril de 2019

23/03/2019 12:34

Obra na Bandeirantes inicia semana que vem sob tensão de lojistas

Comerciantes aprovam intervenção, mas temem que demora possa prejudicar os negócios

Mayara Bueno, Liniker Ribeiro e Tatiana Marin
Asfalto da Avenida Bandeirantes cheio de ondulações por causa dos reparos. (Foto: Kísie Ainoã).Asfalto da Avenida Bandeirantes cheio de ondulações por causa dos reparos. (Foto: Kísie Ainoã).

A obra de recapeamento da Avenida Bandeirantes, em Campo Grande, está prevista para começar semana que vem, segundo o prefeito Marquinhos Trad (PSD). Na região, os comerciantes afirmam que a intervenção é necessária e bem vinda, mas querem que seja rápida, para não atrapalhar os negócios.

Cheio de remendos, o asfalto tem nivelações que tornam difícil o tráfego por quase toda extensão da Avenida Bandeirantes, que começa na altura do terminal de mesmo nome, até a Avenida Afonso Pena.

Dono de uma garagem de veículos, Acir Moreli, 50 anos, diz que não sabia que a obra começaria e afirma que a via está mesmo precisando passar por reparos. Contudo, “precisa de rapidez”, adianta. “Não dá para ficar muito tempo parado para não atrapalhar nosso comércio, pois dependemos disso”.

Em seus cálculos, 50% dos clientes são pessoas que passam pela avenida, olham a loja e resolvem parar. Se o trânsito ficar bloqueado por muito tempo, o movimento deve reduzir.

Embora as obras sejam diferentes, tem gente com receio de ocorrer na Bandeirantes o desconforto na região central, onde são feitas intervenções do Reviva Centro. "Vai complicar, porque imagino que o trecho que ficará interditado deve ficar igual a Rua 14 de Julho. Mas aqui está precisando mesmo, a coisa está feia", opinou o empresário Jânio Luiz Golin.

Buraco na via que passará por obra/ motoristas reclamam de situação do asfalto. (Foto: Kísie Ainoã).Buraco na via que passará por obra/ motoristas reclamam de situação do asfalto. (Foto: Kísie Ainoã).

Na 14 e nas demais vias do centro, as obras prevê revitalização completa, do asfalto à fiação, enquanto na Avenida Bandeirantes a intervenção principal é o recapeamento.

Segundo Jânio, a prefeitura ainda não passou pelo local para a avisar sobre a obra. "Estou sabendo porque li nos jornais que tinha previsão de obras para cá, só não sabia a data. Trabalho com carros, talvez no período seja melhor nem abrir, fechar ou focar nos serviços internos, não abrir para atendimento. Espero que seja por pouco tempo, não passe de uma semana de interdição em cada trecho".

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) confirmou que a obra começa semana que vem. “Todos os lojistas querem. Você anda na Bandeirantes eles falam ‘pelo amor de Deus’, recapeia, agora saiu, ontem fizeram até comemoração. Vai ter de fechar ruas, atingir comércio, não tem como".

Bem vindo - “Precisa de um recapeamento decente. Ficam tampando buraco que qualquer chuva abre”, afirma o motorista Euner José Nogueira, 53 anos. Mototaxista há 14 anos, Emerson Dias concorda com a obra, afirmando que já viu muito colega perder pneu e roda por causa dos buracos. "Com o recapeamento vai ser bem melhor, porque é uma via de acesso".

Anteriormente, o secretário de Infraestrutura, Rudi Fioresi, a intenção é que a avenida seja parcialmente interditada e que a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) informe à população os trajetos alternativos.

O contrato para a execução é de R$ 8,1 milhões, integra o pacote do corredor sudoeste e totaliza 4 km.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions