A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

16/02/2019 10:21

Recapeamento da Bandeirantes começa em março, afirma secretário

Prefeito Marquinhos Trad (PSD) e secretário de obras Rudi Fiorese acompanharam operação tapa-buraco na Avenida, neste sábado, e estimam que as obras comecem nas próximas semanas

Izabela Sanchez e Mayara Bueno
Equipes realizam operação tapa-buraco na Avenida Bandeirantes na manhã deste sábado (16) (Simão Nogueira)Equipes realizam operação tapa-buraco na Avenida Bandeirantes na manhã deste sábado (16) (Simão Nogueira)

O Prefeito Marquinhos Trad (PSD)e o titular da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos) Rudi Fiorese acompanham, neste sábado (16), a operação tapa-buraco na Avenida Bandeirantes. No local, anunciaram que as obras de recapeamento, sob responsabilidade da Engepar, devem começar nas próximas semanas, em março.

Nessa manhã, os buracos são tampados no trecho da Avenida com a Rua Salgado Filho. O recapeamento, segundo o secretário, vai começar na rotatória da Avenida Gunter Hans e as obras vão cobrir toda a extensão da Avenida Bandeirantes até o encontro com a Avenida Afonso Pena.

O secretário explicou que é possível que mais de uma frente de trabalho atue no recapeamento. O objetivo é concluir as obras em um ano. O contrato para a execução é de R$ 8,1 milhões, integra o pacote do corredor sudoeste – antes nas mãos do Exército -, e totaliza 4 km.

Os recursos são do PAC II (Programa de Aceleração do Crescimento) e o contrato foi avaliado pela Caixa Econômica Federal. Hoje, o Exército, contratado durante a gestão de Alcides Bernal, é responsável apenas pelas obras na Rua Brilhante.

Prefeito Marquinhos Trad (PSD) acompanha tapa-buraco na Avenida Bandeirantes neste sábado (Foto: Simão Nogueira)Prefeito Marquinhos Trad (PSD) acompanha tapa-buraco na Avenida Bandeirantes neste sábado (Foto: Simão Nogueira)

O projeto do corredor sudoeste contempla, ainda, a Rua Guia Lopes e a Marechal Deodoro. O corredor foi dividido em lotes, que serão licitados. O próximo, segundo o secretário, é o lote que compreende a Marechal Deodoro. Avaliadas em R$ 9 milhões, as obras nesta via devem ter a licitação divulgada nos próximos dias, conforme anunciou o secretário neste sábado.

Na Bandeirantes, explicou, a intenção é que a Avenida seja parcialmente interditada e que a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) informe à população os trajetos alternativos. Mesmo que as obras comecem nas próximas semanas, o prefeito e o secretário explicaram que não é possível deixar que os buracos permaneçam no local.

O secretário também afirmou que a licitação para o recapeamento da Rua Bahia, que vai abranger trecho da Avenida Afonso Pena até a Avenida Coronel Antonino, está com a licitação em fase de encerramento.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions