ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  03    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Obras em terreno na Rua Sergipe devem melhorar drenagem na região

Canalização feita há 20 anos será substituída para evitar possíveis alagamentos nas proximidades

Por Maressa Mendonça e Marcos Maluf | 23/05/2020 10:15
Obra localizada na Rua Sergipe chama atenção de quem passa (Foto: Marcos Maluf)
Obra localizada na Rua Sergipe chama atenção de quem passa (Foto: Marcos Maluf)


Para resolver o problema de drenagem em ponto da Rua Sergipe, o proprietário de um terreno resolveu mudar a localização da tubulação que havia sido instalada há 20 anos. As novas terão outras dimensões e poderão suportar volume maior de água das chuvas até chegar ao Córrego Prosa. O projeto já foi aprovado pela Prefeitura de Campo Grande.

À reportagem do Campo Grande News, o titular da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviço Público), Rudi Fioresi comentou que apesar de ser uma obra particular haverá uma melhoria naquele ponto porque novas bocas de lobo serão instaladas.

“Ali desce uma drenagem pela Rua Sergipe e fica entre o terreno dele e Avenida Afonso Pena, cruza a avenida e vai no sentido do córrego. Por isso, estão fazendo algumas adaptações na drenagem. A preocupação é não ficar água parada ali”, comentou o secretário. “Vai melhorar um pouco a vazão na rua”.

O projeto já foi analisado e aprovado pela Prefeitura, mas o secretário não detalhou o que será construído naquele ponto, localizado próximo a Avenida Ceará.

Novas ligações de tubulações serão feitas para melhorar sistema de drenagem (Foto: Marcos Maluf)
Novas ligações de tubulações serão feitas para melhorar sistema de drenagem (Foto: Marcos Maluf)


À reportagem do Campo Grande News, o engenheiro responsável pelas obras, Renato Giordano Filho, de 36 anos, resumiu que a obra ali é “simples”, apesar de o maquinário e movimentação de terra chamar atenção de quem passa. Ele não quis detalhar todo o trabalho que será realizado, mas comentou sobre as mudanças no sistema de drenagem.

“A drenagem é simplesmente captar a água que cai e não deixar que fique no asfalto”, simplificou o engenheiro. Para concluir o objetivo de não deixar água empoçada naquele terreno particular novas ligações serão feitas. “É uma solução que inclusive ajuda a cidade”, disse.

O engenheiro comenta que à época da instalação das primeiras tubulações entenderam que a melhor localização seria onde elas estão, mas com o crescimento da cidade e necessidade de novas construções eles perceberam a necessidade da mudança. “Não existe engenharia sem melhoria”, declarou Giordano.

Prazos e outros detalhes sobre a obra particular só poderiam ser informados pelo proprietário, mas ele não foi localizado até a publicação da matéria.