A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

04/03/2015 15:10

Olarte lança projeto para recapear e implantar parques na Ernesto Geisel

Edivaldo Bitencourt
Olarte lança projeto para recapear e implantar parques na Ernesto Geisel

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), assina nesta quinta-feira (5), às 15h, a ordem para lançar as licitações para a revitalização da Avenida Ernesto Geisel, entre o Shopping Norte Sul Plaza e o Bairro Aero Rancho. Além da construção do Parque Linear Anhanduí, o projeto, orçado em R$ 68 milhões, prevê o recapeamento de toda a extensão da avenida.

Segundo a prefeitura, a obra contemplará 150 mil habitantes e será dividida em seis lotes. A previsão é concluí-las em 18 meses a partir da assinatura da ordem de serviço. A autorização do início das obras só vai ocorrer após a conclusão da licitação, que deve levar, no mínimo, três meses.

O projeto foi idealizado na gestão de Nelsinho Trad (PMDB) e chegou a ser licitado. Na época, estava orçada em R$ 43 milhões. A empresa que venceu a licitação iniciou as obras em agosto de 2012, mas desistiu devido ao obra ter se tornado onerosa. A empreiteira abandonou o projeto no início do ano passado.

Prefeito da Capital promete tirar do papel projeto que revitaliza avenida (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)Prefeito da Capital promete tirar do papel projeto que revitaliza avenida (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

A Prefeitura refez o projeto e encaminhou para a Caixa Econômica Federal, que autorizou a liberação dos recursos. Com a mudança, o novo projeto evita o transbordamento do rio, que causa transtorno, principalmente, aos moradores do Bairro Marcos Roberto.

A obra contempla a canalização e a revitalização das margens do rio, o recapeamento da avenida Ernesto Geisel numa extensão de 7,5 quilômetros - entre a rua Santa Adélia (em frente do shopping) até a avenida Campestre, no bairro Aero Rancho; a implantação de seis praças de convívio e pista de caminhada e ciclovia. Também serão implantadas defensas metálicas em pontos de risco ao longo do Rio Anhanduí.

O projeto prevê a construção de muros laterais com placas de concreto e sistema gabião que permitirá a drenagem e a urbanização com grama, no trecho entre a rua Santa Adélia e a avenida Manoel da Costa Lima. Deste ponto até avenida Campestre, será executado um serviço de controle de água no canal, com escadarias, dissipadores e obras pontuais nos locais que recebem as águas da chuva que descem dos bairros localizados nas duas margens. Os dissipadores, uma espécie de degraus colocados no leito do rio, são necessários para reduzir a velocidade da água e melhorar o escoamento.

Todo o sistema de drenagem ao longo do rio será corrigido para pôr fim às enchentes. O fundo do rio não será concretado para garantir sua biodiversidade. Para evitar erosão e manter o leito estabilizado, serão instalados travessões a cada 20 metros.

Ao longo de 8,5 quilômetros serão implantadas ciclovia e pista de caminhada com calçadas largas. Para o trecho entre as avenidas Vila Nova Artigas e Campestre, foram planejadas seis praças de convivência.

“Optamos por um projeto que apontasse para soluções definitivas. Esta é uma obra estrutural, não queríamos um paliativo. A população não tolera mais que se gaste dinheiro público com remendos, que depois de pronto, não resistem a uma chuva mais forte”, afirmou, por meio da assessoria, o prefeito. Gilmar Olarte.

Com projeto, via terá pista de caminhada e ciclovia entre shopping e Conjunto Aero Rancho (Divulgação)Com projeto, via terá pista de caminhada e ciclovia entre shopping e Conjunto Aero Rancho (Divulgação)


Confesso que ficaria impressionado em ver uma matéria dessa, mas voltado para a segurança, por exemplo um projeto para enfim criar uma proteção ao redor desse córrego para que não ocorra mais acidentes e mortes... Será que um dia iremos ler uma noticia dessa ??? será que um dia um politico desses vai ter uma atitude dessa ???, mas nao preferem gastar nosso dinheiro em coisas que nem sempre é o realmente precisamos...
 
Junior em 05/03/2015 09:09:10
veja bem! comecárá no shoppin norte sul e terminará na quadra após o referido shopping. GRAVE O QUE ACABEI DE ESCREVER.
 
EDINALDO VIANA em 04/03/2015 19:24:08
É uma idéia pior que a outra, mas para desviar temos que construir né?
 
Max em 04/03/2015 16:53:58
Praça neste local será só para encontro de marginais. O projeto tem que ser da mesma forma ao já realizado na Av. Fernando Correa da Costa, cobrindo toda a extensão do rio aumentando pistas de rolamento de veículos e acrescentar uma ciclovia entre o canteiro central.
 
VALMIR em 04/03/2015 16:43:44
Vamos fingir que acreditamos mais uma vez...
 
hermes canhete em 04/03/2015 15:54:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions