ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  15    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Para conseguir licença, Acrissul quer instalar água e esgoto no Laucídio Coelho

Por Viviane Oliveira | 15/02/2011 19:10

Será feito um estudo para avaliar a possibilidade instalar rede de água no Parque

Para conseguir licença ambiental o Parque de Exposição Laucídio Coelho busca parceria da empresa Águas Guariroba para instalar rede de água e esgoto em todo Parque.

A empresa Águas Guariroba vai iniciar nesta semana um estudo para avaliar a possibilidade concreta de instalar rede de água no Parque. Com a instalação da rede a associação cumpre uma das exigências feitas pelo Ministério Público Estadual para que o parque seja adequado às normas ambientais. O estudo deve ser concluído em dois dias.

O presidente da Acrissul, (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Francisco Maia, apresentou a um projeto de transformar o Parque Laucídio Coelho numa “cidade do agronegócio” é o projeto Acrissul Amanhã.

A mudança será a transformação dos 13 pavilhões usados para animais de argola, em áreas comerciais permanentes, com locação para empresas e instituições. Cada pavilhão teria nove escritórios cada.

A administração dos espaços destinados à locação permanente ficará por parte da Financial Imobiliária, o que garante um tratamento profissional nas relações comerciais entre locador e locatário.

A locação dos espaços provisórios continua sob o poder da associação. A projeção é que com a locação dos espaços a associação tenha um aumento na receita de R$ 100 a R$ 120 mil, o que garante que as atividades do Parque não sejam afetadas durante a entressafra de exposições.

Nos siga no Google Notícias